Dica para organizar esmaltes

Tudo começou no dia em que eu ia viajar e a minha manicure me deu aquele bolo! Eu ia ficar uma semana fora, e sem manicure. Eu fiquei tão aborrecida naquele dia que eu jurei pra mim mesma que eu não falaria mais com a furona. No desespero, pedi pra manicure de uma amiga minha vir na minha casa para me salvar, mas como ela veio meio ao cair da noite (encaixe de emergência), e já tinha uma idade meio avançada (ceguinha), as unhas ficaram uma porcaria. Ela não limpou direito por causa da iluminação deficiente (depois de uma certa idade, mesmo uma lâmpada de 100W não resolve, sem óculos), e no dia seguinte quando acordei e me deparei com aquela lambança quase tive um “xilique”, porque e eu ia viajar na tarde daquele dia. Resultado, como era fim de ano e eu ia para um lugar frio, eu ia ficar com o pé enfiado numa bota mesmo a viagem inteira, mas as mãos…. ahhh as mãos… arranquei aquela porcaria das minhas unhas, enfiei os dedos na água e peguei meu alicate (que já estava precisando de uma amoladinha – mas resolveu assim mesmo) e mãos à obra. Tudo bem, levei quase uma hora e meia pra fazer decentemente o serviço que eu paguei à toa para outra pessoa fazer, mas pelo menos essa experiência me ajudou a nunca mais ter que pagar alguém para fazer minhas unhas, porque hoje eu nem encontro ninguém que as faça tão bem quanto eu (só as mãos, porque os pés, negação total). Depois que eu voltei de viagem, e ainda aborrecida com a furona da minha manicure, eu resolvi dar um gelo nela e passei a fazer minhas unhas eu mesma, já que o resultado tinha ficado tão bom antes da viagem. Daí para começar a comprar os esmaltes foi the flash. Comecei guardando numa bolsinha, e depois de um certo tempo a coisa começou a complicar, porque eu comecei a notar que eu não podia passar perto de uma farmácia ou loja de produtos de beleza que ouvia o “canto da sereia”. Daí para chegar a 80 esmaltes foi uma questão de poucos meses. Obviamente a bolsinha ficou pequena e não cabia mais nem pensamento. Tive que trocar para uma gaveta, que eu organizei conforme o MEU critério (por cores de esmalte). E toda vez que Gabi tinha que procurar um esmalte, ela levava pelo menos uns 5 minutos procurando, porque os esmaltes estão imprensados uns nos outros e não dá pra ver direito a cor de cima. Irritada, ontem à noite ela resolveu virar a gaveta no chão e começou a pintar as pontinhas das tampas dos esmaltes com os seus respectivos esmaltes (só não deixei fazer isso nos importados). Admiro a paciência dela, rsrsrsrsrs, mas achei que ela só ia perder o tempo dela. Depois que ela terminou, ela organizou os esmaltes colocando os da mesma marca juntos. Eu, sem tempo para refazer da forma que eu gostava, deixei assim mesmo, mas, olhando com mais carinho para o trabalho que ela teve, cheguei à conclusão de que, com as tampas pintadas, como ela fez, eu não vou mais precisar arrumar à minha maneira, pois agora ficou super-fácil de achar os esmaltes, sabendo a marca dele. Sei que muitas não terão a paciência que Gabi teve de pintar as tampas dos seus esmaltes, mas para aquelas que têm ainda pouco esmalte e já planejam aumentar a sua coleção, fica aqui uma dica de organização para o futuro. Você nunca sabe quantos esmaltes terá em 6 meses…. rsrsrsrsrs

Anúncios

Sobre Adri Portas

Tradutora, Blogueira e Filósofa (da vida)
Esta entrada foi publicada em Dicas com as etiquetas . ligação permanente.

Uma resposta a Dica para organizar esmaltes

  1. andrea diz:

    Boa dica adorei msm

Obrigada pela visita e pelo seu comentário!!! <3

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s