Credibilidade Zero

Bom dia!

Atendendo ao pedido de uma amiga querida, estou postando algo para não parecer que eu morri também. Ainda estou em luto pela credibilidade que morreu em mim.

Lamentável, mas se existia uma pequena credibilidade, ela morreu definitivamente com as minhas recentes descobertas decepcionantes e que me deixaram quase igual à primeira vez, como foi com o pai da Gabi; à beira da morte de tanta decepção.

Me sentir traída por tantos anos me deixou praticamente morta de tanto desgosto. Mas eu fiz questão de me lembrar que homem nenhum é santo e nunca será, e que eu já deveria estar preparada pra isso. Eu sempre desconfiei da situação, e sempre ouvi negação por parte dele. Era só uma “amiga querida que o ajudou muito”. Agora sei que ajuda prestou…

Mas deixemos pra lá, já que esse foi o motivo que eu precisava para cortar o mal pela raiz para o resto da minha vida. Tentei esquece-lo outras vezes, mas o fantasma dele sempre me rodeava. Na verdade, a esperança de um dia voltar a ser feliz com ele sempre me rodeava. Agora é muito diferente. A minha descoberta realmente me impulsionou a ter amor próprio e seguir em frente, sem olhar pra trás. Ver que agora é tudo diferente, e que minha felicidade não está mais ali.

É claro que tantas palavras de apoio de todas vocês me ajudaram muito a aliviar a grande dor que eu estava sentindo. Pude ver que eu não estava sozinha de todo, e cada palavra dita, até por quem nunca tinha comentado aqui antes, foi de extrema importância pra mim, podem acreditar.

E esta manhã acho que dei o tiro derradeiro na minha angústia. Li um texto da nossa querida Gabi Moura e que me tocou profundamente:

“Não adianta buscar em algo ou alguém o que não existe ou não existe mais. Os passos devem ser adiante e não estagnados no passado ou num vazio que não será preenchido.”

Esse será meu hino de hoje em diante, Gabi! Quem vive de passado é museu, e museu pra mim, só em Nova York!!!!

Vou aproveitar que pelo menos o tanto de tristeza que senti foi bom pra eu perder mais peso, e vou aproveitar que estou pouco mais de 7kg mais leve e continuar adiante. Cuidar mais de mim!

Mas confesso a vocês que ainda não estou preparada para retomar meu ritmo normal aqui. Há ainda momentos em que a tristeza da decepção ainda me ataca. É inevitável.

Por falar nisso, queria contar pra vocês uma coisa muito impressionante que aconteceu. Ontem de manhã faltou luz e sem ter o que fazer, eu me sentei na poltrona no meu escritório e fiquei olhando pro nada, me lembrando de tudo. Inevitavelmente eu comecei a chorar. O Troy estava comigo no escritório, e sentadinho onde estava ficou olhando pra mim. Ao me ver chorando veio pro meu colo e me olhava nos olhos como se quisesse dizer algo. Virou de barriga pra cima e eu comecei a coça-la, ainda a soluçar. De repente parei e tirei a mão, e ele abraçou minha mão com as patinhas e puxou de volta, e quando trouxe de volta me deu uns “beijinhos” na mão. Fiz isso umas 3 vezes, e todas as 3 vezes ele fez a mesma coisa. Só depois que eu parei de chorar é que ele saiu do meu colo. Fiquei tão surpresa por esse comportamento dele que escrevi para a dona do gatil para contar. Ela me respondeu que ela já havia me dito que os maine coons são uma raça realmente carinhosa e especial, tão especial que eu quereria ter mais. Mas não… 3 já é demais pra mim.

E assim fica ele enquanto está comigo.

Ontem eu ainda estava arrasada. Mas à tarde uma amiga virtual entrou no meu MSN e começou a conversar comigo. Como ela me viu tão arrasada, ela queria compartilhar comigo o seu grande sofrimento, pelo qual está há dias chorando sem ver uma solução para o seu problema.

Ela é uma moça jovem, advogada que tem um pequeno escritório e alguns poucos clientes, que não pagam suas contas. Ela não tem parentes onde mora, e os parentes do marido moram em uma praticamente colônia no RS. Ele ganha cerca de 1000 reais por mês, e o aluguel deles é de 1500 reais, sendo que quando ela alugou o apartamento, por não ter fiador, ela pagou 2 anos de aluguel adiantado, prazo esse que expirará em 3 meses. Ou seja, tudo o que ganham talvez não cubra o valor do aluguel que teriam que passar a pagar, muito menos as demais despesas da casa. Ela está num mato sem cachorro e não vê saída. O desespero é tudo o que tem.

No instante em que li tudo isso eu comecei a pensar em como estou sendo mesquinha, chorando e sofrendo por algo ridículo, se comparado ao problema dela. O que é um chifre perto da possibilidade de ir pro olho da rua e morar debaixo da ponte, sem ter pra onde ir? Fiquei muito triste por ela, pois ela sequer teria dinheiro para se mudar para o RS. Ademais, o que uma advogada faria numa colônia num buraco no meio do mato do RS? Que perspectiva de vida teria? Advogar para vacas e cavalos? Virar agricultora? Misericórdia!

Se eu pudesse ajudaria, com certeza; mas não há nada que eu possa fazer a não ser incluí-la nas minhas orações. Cedi “a vez” pra ela. Não vou mais pedir a Deus que me conforte, mas que a ajude.

Eu já sabia que com o passar dos dias eu melhoraria, mas a estória dela certamente me ajudou muito a ver que meu sofrimento é praticamente em vão, perto do sofrimento que muita gente tem. Peço a Deus que me perdoe por sofrer por tão pouco…

Bem, gente, é isso aí. Vou continuar trabalhando, porque eu também preciso pagar minhas contas. Qualquer hora dessas posto novamente, nem que seja para falar só “abobrinhas”, como as de hoje.

Tenham todas um ótimo restinho de semana, e se puderem, coloquem a minha amiga vitrual, Silvia, em suas orações, e peçam a Deus que lhe dê uma solução para o seu problema.

Bjs

Adri =|||

Anúncios

Sobre Adri Portas

Tradutora, Blogueira e Filósofa (da vida)
Esta entrada foi publicada em Abobrinhas. ligação permanente.

27 respostas a Credibilidade Zero

  1. Heloisa diz:

    Olha, nunca tinha visto seu blog, mas hoje vi o link em um outro blog q frequento e vim olhar, aí me deparo com essse desabafo… tão parecido com o que eu passei recentemente! Eu descobri o mesmo que você: meu marido, pessoa que estava comigo num total de 11 anos, me traindo. E descobri lendo uma conversa de msn que ele esqueceu aberta no meu próprio computador! Além de traidor, um desaforado. Na época, eu, que estava em tratamento por uma depressão, quase fui pro buraco de vez. Mas não fui. Olha, isso é muito importante: EU NÃO FUI. Hoje em dia, a raiva e a mágoa passaram. Percebi que só ganhei em ter me separado dele, estou mais feliz, saí do quadro depressivo e estou dando andamento aos meus projetos de vida. É possível. Você pode. Você vai conseguir.

    Quanto aos gatos, sem comentários… Meu Humberto faz o mesmo que o Troy e ainda dizem que os gatos são indiferentes…

    Se cuide e siga em frente sempre!

    • Obrigada por comentar Heloisa. Cada experiência narrada, parecida com a minha, realmente é um grande consolo, pois vejo que ninguém nunca morreu por causa de decepção no amor. Tenho certeza que Deus está trabalhando, e que Ele já está abrindo uma brechinha nas nuvens dessa tempestade para que o sol volte a me iluminar.
      Bj
      Adri

  2. danakscully diz:

    Poxa Adri, fiquei angustiada por causa da sua amiga… Será que num primeiro momento não poderia ajudar ela trabalhar em um escritório de advocacia de outra pessoa? Tenho vários amigos advogados e já os ouvi dizendo que alguns desses escritórios grandes pagam um salário fixo + comissão e permitem que se pegue serviço a parte (do escritório dela), desde que não interfira no trabalho… Ela também poderia pensar em mudar para uma cidade próxima de onde ela mora hoje, mas em que os imóveis tenham o valor mais baixo… Com calma eles arrumarão uma saída Adri, você vai ver!!!
    E fico feliz em saber que você está um pouco melhor. Força na peruca Adri, você é uma mulher maravilhosa!!! Forte, bem humorada, feliz, trabalhadora que só, bonita. A vida lhe sorriu e sorri muito! :))
    Quanto ao meu problema particular, graças a Deus eu estou melhor. Sabe, ontem tive uma conversa longa com uma colega de trabalho porque ela insistiu por dias em saber qual era o meu problema para tentar me ajudar, desde a semana passada que ela tenta por me ver chorando pelos cantos lá no trabalho e eu não quis me abrir, mas a conversa que eu acabei tendo com ela ontem me fez enxergar meu problema de outra maneira e me fez me sentir mais forte para conversar com meu marido com calma. A única coisa que falta agora é ele também começar a encarar o nosso problema de outra forma, mas, não estou sendo lá muito eficiente. Agora estou tentando convencê-lo a conversar ao menos com o pai dele sobre o assunto, já que ele não quer conversar com os amigos (ele é uma pessoa super extrovertida, mas ao mesmo tempo super reservada) e acho que ele só melhorará conversando com alguém do mesmo sexo sobre o assunto (porque praticamente toda mulher que falar com ele terá a mesma opinião…).
    Bem Adri, e a vida segue, para mim, para você e para a Silvia, nós daremos um jeito e superaremos nossos problemas!!!
    Beijão,
    Van

  3. Amiga, eu tava me roendo que não consegui acessar o pc e nocel não conseguia comentar…..Fiquei tão preocupada com vc Adri……

    eu vou te enviar um e-mail para vc saber de algumas coisas que sei que vão contar para a sua recuperação…..

    Vc está sempre nas minhas orações querida, sempre!!!

  4. A vida nos ensina a viver. Seja pelo amor ou pela dor. Independente da qual estamos passando, vale sempre lembrar que tem gente com problemas bem maiores do que os nossos. Assim como relatou, a Silvia passa por um período muito delicado. Com certeza estarei colocando os nomes em oração. Deus dá a cruz que cada um pode carregar, nem mais nem menos. Fico feliz por vc e pela Silvia, pois tudo dará certo. Deus não falha. Bjus e fique com Deus

  5. queridona, o importante é que a ficha caiu. O importante é sua força e certeza de que as páginas foram viradas. Remoemos coisas que nunca mais voltarão, que nunca existiram, apenas nos nossos desejos. E ficar nesta furunfação de dor, só atrasa nossa vida, nossos sentimentos, nossas relações, né?! Eu sou da opinião que temos de viver até o último suspiro de nossas dores e esperanças. A vida vai mostrando fatos e as dores e falsas ilusões se desfazem por si mesmas. Em mim funciona assim. Enquanto não enxergo de vez a situação e meu corpo e alma se conscientiza sozinho, não adianta eu forçar ou pessoas me falarem. Elas consolam, não me deixam só, mas um dia eu acordo e enxergo melhor tudo, meus erros e o do outro, e se caio na real que tudo passou mesmo, não há volta, então sigo em frente, respiro com vida e estou pronta para novas pessoas e situações. Dói demais cair na real. Mas ela acontece definitivamente um dia. E seguimos mais aliviadas, pois o peso se foi, ficou lá pra trás. E tchau!
    Graças que tenho um amor feliz. Mozinho é um fofo. Mas temos nossos perrengues e diferentes pensamentos. Até hoje nos damos super bem mesmo assim. Cedo aqui e ele acolá e vamos em frente.
    Fico feliz que seus olhos e coração estão mais fortalecidos para seguir sem o fantasma. Você está se redescobrindo agora sem este fantasma, então te agarra nesta consciência e curta sua vida de forma melhor que antes. Aprende-se com as falhas e descarta-se o imprestável.
    Simbora sermos lindas, sermos gatas, honestas e de caráter! Saudáveis de alma e corpo
    Beijuuuuu

    • Gabi, querida, vc foi uma grande inspiração. Obrigada, cherie!
      Assim vou fazer, pode ter certeza. Deus tem algo reservado para mim, e eu esperarei com paciência!
      Gde bj
      Adri

  6. Thelma diz:

    Os melhores pensamentos, vibrações e orações para vc e tua amiga!! Tem lugar pras duas!
    Bjs
    Thelma

  7. Juraci diz:

    Adri,é incrível como DEUS se manifesta nas nossas vidas de maneira surpreendente,mostrando-nos que está SEMPRE presente e NUNCA nos abandonará.
    Às vezes,fazendo como instrumento alguém ou um animalzinho de estimação.
    Te digo isso por experiência própria,após ter um aborto,entrar num processo depressivo,posso te garantir com certeza que 90% da minha recuperação veio da minha companheira inseparável,SANDY .Ela é da raça Bichon Frisé e todos são muito meigos e carinhosos.
    Quando estava deitada chorando ,sem forças para nada, ela ficava ao meu lado tentando me animar.Me obrigava sair da cama para alimentá-la ,pois se meu marido insistisse em tirá-la de perto de mim,ela retornava sem comer.Pelo que aconteceu comigo ,entendo bem o que se passa com vc e Troy.
    Acrescentarei a Sílvia nas minhas orações e tenha a certeza de que na hora certa DEUS também a agirá na vida dela, assim como tem feito com você te mostrando o melhor caminho a seguir.
    BjO

  8. Bom dia!sempre leio seus posts…principalmente pra saber noticias desse maine coon lindo que vc adquiriu…lembre-se sempre que o sofrimento é doído..mais também se torna aprendizado na nossa vida…um dia vc vai lembrar desses momentos e vai perceber que eles nao aconteceram por acaso…tem coisa muito melhor por vir,acredita!Um grande beijo e força pra vc e sua amiga.

  9. Tati Baena diz:

    Ai amiga, não sei se fico feliz por voce estar se recuperando, ou se choro pela Sil, que é uma menina meiga que a gente aprendeu a gostar! Vou rezar por voces duas então, é o que me resta, porque eu não posso ajudar a Sil, e a você só posso dizer que adoro de montão, que é uma amiga que eu me apaixonei desde o dia em que comecei a seguir o blog e depois que conheci melhor então, adoooooro mais ainda! Fique com Deus, as duas, e que tudo de melhor aconteça pra que tenham uma solução rapida pra cada problema em particular! Você sabe, mesmo quando estou off, é só gritar que de um jeito ou de outro sempre estou aqui pra você!
    Beijos com carinho em dobro
    Tati

  10. solangepaixao diz:

    Adri, conte com a gente! Fico feliz por você ser uma mulher de garra, forte, com amor próprio! Temos momentos ruins, infelizmente, mas levantamos a cabeça e damos a volta por cima! Bj grande, e qq coisa, me liga!!!! Bjinho, Sô (Paixão)

  11. Nilza Barbosa diz:

    “Abobrinhas” bem vindas, diga-se de passagem! Só o tempo mesmo é capaz de curar nossas feridas. Então, vamos em frente. Beijo grande!

  12. Kátia Rodrigues diz:

    Que bom que está se recuperando. É assim que estou acostumada a lhe “ver”. Um beijo e tudo de melhor.

Obrigada pela visita e pelo seu comentário!!! <3

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s