Watch Your Language – Spoiled

O dia hoje está meio down… A única coisa boa é o clima, que esfriou um pouquinho, e eu finalmente consegui colocar um casaquinho fino. Isso seria suficiente para me deixar feliz, mas hoje o dia está diferente.

Já levantei meio borocoxô e com dor de cabeça. Tenho sentido uma dor no ombro esquerdo, mas acho que deve ser de ficar escrevendo no note, na cama, sem apoio nos braços. Há muito tempo atrás eu tive problema semelhante, e depois que troquei a cadeira do meu PC, que tem um apoio de braço alto, minha dor passou. Agora, pelo visto, voltou, porque resolvi ficar trabalhando na cama, com uma postura SUPER errada. Eu acabo me recolhendo logo (indo pro quarto), porque no escritório os mosquitos começam a comer minhas pernas, e eu fico enlouquecida. Ainda não tomei vergonha na cara e mandei fazer uma tela mosquiteira.

Levantei hoje às 10 da manhã. Desci, sentindo o cheiro do café fresco, que minha empregada faz todos os dias. Peguei minha xícara e segui para o escritório, com o notebook debaixo do braço (meu PC chegará hoje, se Nosso Senhor ajudar). Quando cheguei ao escritório, minha empregada estava limpando, e percebi que ela estava triste, assim como eu.

Ela disse que a mãe, que está há uma semana no hospital (internada por pressão muito alta), teve um derrame esta noite. Inevitavelmente me lembrei, pela segunda vez, hoje, do meu pai. Hoje ele faria 75 anos se estivesse vivo. Como muitas aqui já sabem, ele morreu de um AVC (derrame) fulminante, quando voltava para casa, vindo do hospital, após uma consulta e alguns exames.

Minha empregada disse que desde que o pai dela morreu, há 3 anos atrás, a mãe meio que se entregou, e só vinha falando de morrer também. É muito ruim quando a pessoa perde a motivação pela vida, em nem os filhos e nem os netos são um motivo para se continuar a viver.

Acho que meu pai foi realmente abençoado, pois a morte dele foi vapt-vupt. E quem tem derrame e fica com sequelas permanentes? Muitas vezes as pessoas que não morrem, vegetam e ainda dão um trabalho danado para quem fica. E eu acredito que essas pessoas que “vegetam” conseguem ter uma atividade cerebral, e até pensar “normalmente”. E por causa disso, devem lamentar profundamente a vida que passaram a ter depois do AVC.

Agora vejam; a mãe dela queria morrer porque estava desgostosa da vida – e tinha uma vida normal, em que podia fazer de tudo. Imaginem que castigo será, depois de desejar tanto ter morrido, se ela ficar com sequelas desse derrame e não conseguir mais ter uma vida normal; só na cama, vegetando. Se isso acontecer, acredito que ela se arrependerá amargamente de ter desejado tantas vezes morrer, porque para mim, não teria coisa pior do que vegetar, e ter outras pessoas tendo que cuidar de mim, e saber que por causa disso eu me tornaria um estorvo na vida delas.  Por isso eu penso que devemos todos os dias agradecer a Deus por tudo o que temos, e por toda perfeição física que temos, apesar daquele aborrecimento, ou daquela sinusite horrenda, ou outra dor qualquer que insiste em aparecer de vez em quando.

Aquela dor que você sente de vez em quando, Van, pode ser insuportável, mas seu corpo é perfeito, você é uma fofa e bonita, e nenhuma dor momentânea, por mais insuportável que seja, é pior do que seria ficar entrevada em uma cama até o fim da vida, sabendo que outras pessoas ao seu redor teriam que abrir mão de suas vidas normais para ter que cuidar de você até você morrer (dar banho, limpar seu traseiro, etc.). Jesus Cristo, tende piedade de mim e nunca permita que isso aconteça comigo!

Peço a Deus todos os dias que me leve como levou ao meu pai: rapidamente!  (pausa para enxugar as lágrimas…)

Minha mãe nunca sonha com meu pai. Esta manhã ela acordou feliz, porque ela finalmente sonhou com ele esta noite, e adorou tê-lo visto e ter dito a ele o quanto ela tem sentido falta dele. Ela não se lembrou que hoje seria aniversário dele. Quando contei, ela ficou impressionada (assim como eu) de como meu pai veio lhe visitar em sonho, para receber seus parabéns… …eu não sonhei com ele =(((, mas vou fazer o que faço todos os anos sguintes à sua morte, no dia do seu aniversário: acenderei uma vela e farei uma oração.

Eu realmente estou num dia meio nebuloso, externa e internamente. A única coisa que me fez rir hoje foi a nova diversão do Harry. Tenho um canteiro de uma planta que dá umas microflorzinhas lilases, que é como uma cerquinha viva baixotinha, cortada quadradinha, de uns 20 cm de altura. A diversão do Harry era pular em cima dessa cerquinha e ver a nuvem de mosquitos que saía voando quando ele pulava nas plantas. Eu só não dei uns gritos nele porque estava engraçado, heheheh.

Bem, vamos ao reloginho de hoje.

Esse foi o esmate que usei na mão direita, no dia em que usei o Patchwork da Impala, o WATCH YOUR LANGUAGE, da Spoiled.

É um roxo cintilante não muito opaco. Mas mesmo assim, passei só duas camadas.

Fiquei feliz porque foi ótimo esmaltar com o pincel desse vidro. E foi uma delícia, também, heheheh Adoro pincéis grossos assim (Nina, não pense o que pensou!)

Eu só não lembro se passei top coat nessa mani… acho que não. =/

Não sei se a KK trouxe dessa cor para vender. Mas sei que ela trouxe uns 100 vidros de Spoiled para vender.

Para quem não sabe, o Spoiled é da Wet’n Wild, marca americana que vende esmaltes a um preço bem legal. Só não sei quanto a KK vai cobrar no Brechó.

Bem, é isso aí, meninas. Vou continuar na labuta aqui.

Bjs

Adri =|||

Anúncios

Sobre Adri Portas

Tradutora, Blogueira e Filósofa (da vida)
Esta entrada foi publicada em Esmalte importado, Swatch com as etiquetas . ligação permanente.

19 respostas a Watch Your Language – Spoiled

  1. Adri, acabo de ler “Nosso Lar”, e confesso que fico emocionada com os relatos de sonhos com os antepassados. Um dia desses sonhei com meu papito. Não sei se foi dia 29, que foi niver dele, mas faz poucos dias. E foi bom…. Amo sonhos bons!!!
    Bj grande procê, e please, acerta essa postura, porque dor, qq que seja, é um pé. E ninguém merece sentir dor. Nada de má postura…..
    Bj nesse gato lindo caçador de pés….
    Bjs pra vcs! Sô (Paixão)

    • solangepaixao diz:

      Ai, lindo o esmalte… e graças a Deus por tudo!!!! Bjs!!!

    • Nunca tive paciência para ler esse livro. Comecei umas 3 vezes, e não passei da décima página.
      Ontem Gabi fez uma massagem com aquele creme que usei quando minha mãe caiu, o TIGER BALM. Menina, é impressionante como esta manhã da dor horrível de ontem só há um pequeno vestígio. Vou pedir para Mary fazer de novo hoje.
      Bj
      Adri

    • Fico feliz por vc estar melhor. Eu tenho algumas hérnias de disco, sei que é uma dor irritante demais, pior q TPM ds brabas. Tive durante 6 meses direto…. depois apelei pra um tratamento alternativo que foi uma bênção divina…. Bjs pra vcs duas…. Sô (Paixão)

    • Obrigada querida amiga. O ombro melhorou mesmo. Até que se prove o contrário, atribuirei o “milagre” a´Tiger Balm.
      Bjs
      Adri

    • Fico feliz pela sua melhora, viu!!! Tiger Balm… já anotei esse nome…..
      Bjks e um dia lindo!!!
      Hj to com a cara amassada, acordei atrasada e tomei um banho de gato (não lavei o cabelo, q coisa…). Daí fico com a sensação q tá todo mundo olhando meus cabelos assanhados (e eles estão presos…). Vai passar….
      Ontem chegou minha coleção da OPI, resolvi usar aquele que tem vários brilhos, e que coisa louca, impossível parar de olhar pras unhas…. uhuuuuuuu! Mais uma coisa boa!
      Bjs!!!!!!!! Sô

  2. danakscully diz:

    Oi Dri, não comentei antes por aqui, pois tive alguns dias de muita correria graças a Deus (reforma de casa, marido de férias…). Você está coberta de razão, eu tenho que agradecer todos os dias por tudo o que tenho de bom em minha vida. Sei que tenho também que agradecer por minhas dificuldades, pois tenho a oportunidade de melhorar em muitos pontos como ser humano justamente por elas existirem em minha vida. Sabe, quando eu estou bem e não estou em pânico por causa das dores que sinto estou sempre agradecendo a Deus intimamente por minha vida, mas, quando a dor vem, com muita vergonha eu tenho que admitir que eu sempre peço a Deus para me levar embora dessa vida. Meu marido fica MUITO bravo comigo por causa disso e sei que ele tem razão. Mas estou tentando melhorar nisso. Por causa dessas dores eu me sinto muito insegura para fazer vááárias coisas, entre elas, exercícios físicos. E hoje eu estou muito feliz porque ganhei uma bike do meu marido e hoje consegui andar por cerca de uma hora com ela!!! \o/ Este feito, que parece tão bobo, fez com que eu me sentisse mais estimuada para tentar fazer as coisas que deixe de fazer com o tempo, por causa da dor.
    Dri, que Deus dê muita força para sua empregada nesse momento e que a mãe dela consiga se recuperar.
    Mudando de assunto… Outro roxo?!?!?! 😛 Eu gosto de roxo, mas, minha coleção tem tanto roxo que acho que estou começando a enjoar! hahaha Ah, e eu também prefiro pincel grosso, no bom sentido! hehe
    Beijinhos Dri e que Deus permita que você passe por dias muitos alegres, para compensar o dia tristinho de hoje.
    Van

  3. O bom desse blog é que tem alegria e reflexão!!!!!! Realmente precisamos reclamar menos e agradecer mais!!!! Acredito que passamos exatamente aquilo que temos que passar e que Deus não nos dá uma cruz mais pesada do que temos condições de carregar!!!!!

  4. Fiquei com minha irmã no hospital, e ela ficou inconsciente por muito tempo. De repente acordou, e começou a dar tchau a todos! Praticamente nos mandou embora, porque queria ficar só com o marido e a cunhada. Acho que não queria ver o meu sofrimento e dos meus irmãos, e se foi com muita tranquilidade! Ela sempre foi muito prática, e conseguiu ser até nesta hora! A saudade dói, mas prefiro pensar que ela não está sofrendo dores terríveis, está em paz finalmente! Esta foi a irmã que me ensinou a pintar as unhas, e sempre me estimulava a mantê-las bonitas. (pausa para um sorriso)

  5. jehmikui diz:

    verdade amiga, apesar dos problemas que a gente tem algumas pessoas tem problemas bem maiores!!!! é só a gente parar pra pensar um pouco que eles e se tornam pequenos!
    Não tem tristeza maior do que ver a pessoa que a gente ama sofrendo!
    Melhoras amiga, amanhã o dia será bem melhor =)

    adorei o esmalte, essa cor é linda demais 🙂
    beijooooooooooooo

  6. Tatiane C M Baena diz:

    Adri, realmente temos que agradecer a cada segundo que vivemos, pois hoje a vida nao ta valendo muito, tantos jovens morrendo cedo, sem sequer ter aproveitado a vida, se matando por causa de drogas, por ciume da namorada vai la e da um tiro, e assim vai…E ainda existe quem reclame das coisas e da vida, umas nao tem olhos azuis, a outra poe silicone porque o peito é muito pequeno, e por ai vai….
    E quanto a seu dia querida, como dizia minha avó, nada como um dia apos o outro, com uma noite de sono bem dormida no meio-claro!!!!
    Fica com Deus que amanhã, ah, amanhã é outro dia!
    Bejos more
    Tati

  7. Juraci diz:

    Concordo com você.
    Todos os dias ,ao abrir os olhos pela manhã, devemos dar graças a Deus por mais um dia de vida.Por sermos perfeitos e termos lucidez e condições de conduzir a nossa própria vida.
    Adri,assim como o seu pai,o meu também se foi sem sofrimento em 2004.
    Dormiu e não mais acordou.Minha mãe ,que dormia ao seu lado ,só percebeu ao acordar e vê-lo ainda dormindo com um semblante tranquilo ,porém inerte.
    Para ele foi uma bênção,mas para a família foi um desespero total.Ninguém esperava.Faltou chão… ar.Afff. A gente aprende a conviver com a dor da perda,mas jamais supera esse sofrimento.
    Mas Deus sabia que ele não merecia sofrer.
    Voltando ao esmalte,achei lindo.Gosto muito de roxo.
    BjO

    • Pois Ju, as duas únicas coisas que eu lamento em relação à ida dele para seu novo plano espiritual foi 1) Não ter dito muito mais a ele, em vida, que o amava e 2) Não ter dito adeus a ele.
      Agradeço IMENSAMENTE a Deus por meu pai ter ido rapidamente, e por Ele ter sido misericordioso e ter poupado meu pai (e a nós), de ficar entrevado na cama ou sem lucidez e condições de conduzir sua própria vida, como diz você.
      Por mais que amemos uma pessoa, não podemos ser egoístas e lamentar sua ida. Nossos amados estão em condições muito melhores que nós estamos aqui em terra. A falta é óbvia que existe, mas me consolo por saber que meu paizinho não sofreu, e foi bastante feliz enquanto viveu.
      (esse cheiro de churrasco está me matando!)
      Bjus
      Adri

    • Juraci diz:

      Adri,tem coisas que a gente não consegue entender.
      Mas na noite anterior da morte do meu pai,estava me sentindo muito angustiada.Liguei para ele e nos falamos bastante por telefone,pois ele morava em Minas e eu em São Paulo.Disse a ele que o amava muito.
      Só depois ,pude perceber que era uma despedida,e graças a Deus ,tive a oportunidade de dizer a ele o quanto era importante pra mim.

    • Você foi uma pessoa de sorte… sinta-se feliz por isso, amiga. Eu não tive essa oportunidade de ouro.
      =(

  8. Kátia Rodrigues diz:

    Dri, força na peruca que Deus e seu papai olham por você.

Obrigada pela visita e pelo seu comentário!!! <3

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s