Lixa Magic Magic Magic Magic Shine, Fing’rs

Daí você pergunta: “Enguiçou a vitrola?” (quem é do meu tempo sabe o que é uma vitrola) Pra quê tanto MAGIC????  Endoidou?

Não, não endoidei. Só queria enfatizar que essa lixa é realmente mágica.

Você certamente já deve ter visto essa lixa por aí, e nunca deu a mínima pra ela. Aliás, por nunca (talvez) ter ouvido falar nela, você nunca deve ter percebido que passou por ela milhares de vezes naquela loja de esmaltes ou farmácia que você frequenta, não é verdade? Isso aconteceu comigo! Tem milhares dela na loja que frequento, mas só consegui “enxergar as lixas na loja”, depois que aconteceu o que vou contar para vocês.

No último encontrinho em São Paulo a Nina me apareceu de unhas peladas. Não tinha um esmalte! E eu pensei, “Gente, como essa mulher vem para um encontrinho sem esmalte nas unhas????”. Ela levou consigo duas lixas polidoras da marca Fing’rs, uma rosa (igual à da foto) e uma azulzinha, mais estreita e com as pontas arredondadas.

Quando ela me entregou as lixas, ela me disse que tinha levado de presente para mim (levou pra KK também). Olhei as lixas, agradeci, mas confesso que as lixas não tinham nada que me impressionasse. A única coisa “boa” da lixa, até então, foi o fato de elas terem sido dadas de presente pela Nina, nada mais.

Daí, olhei pra Nina, agradeci e acho que perguntei para ela por que raios tinha trazido duas lixas de presente, já que lixa se acha em qualquer buraco pra vender. Ela então me mostrou as unhas brilhantes, como quem tivesse passado esmalte incolor ou até mesmo top coat, e disse que as lixas tinham feito aquilo.

Eu olhei pra cara dela, ri e perguntei se era piada. Séria, ela disse que não, e que aquele brilho escandaloso nas unhas eram resultado da “lixa”. Eu, obviamente, não acreditei, e falei, na cara dura, que ela estava mentindo pra mim. Eu acho que ela se ofendeu, uhahuauhahuhuahua, e falou com a voz já engrossando que ela não estava mentindo. Aquilo era, sem dúvida alguma, algo em que eu só acreditaria vendo com meus próprios olhos a prova. E eu insisti que aquela lixa sem graça não poderia ter feito aquilo, já abrindo a embalagem afobadamente. Depois que “despi” a lixa, senti a suavidade das suas faces, e desafiei a Nina, deixando ela mais invocada ainda. Eu disse que era IMPOSSÍVEL aquela lixa fazer unhas brilharem como se tivesse passado esmalte incolor, e quase disse a ela que a piada dela não teve graça.

Ela, já P da vida, perguntou, já meio brava, se eu queria que ela passasse acetona nas unhas pra provar que aquele brilho não era esmalte. E eu, na cara de pau disse que sim. Ela arregalou os olhos, deixou o queixo cair e me perguntou: “Você prefere que eu passe a acetona a acreditar no que eu estou falando????”. E eu, sem graça, mas sincera, disse um “sim” quase inaudível, de tão baixinho que falei. E ela saiu pisando pesado e foi buscar acetona e algodão para esfregar nas unhas (e na minha cara). Depois que ela passou o algodão com acetona nas unhas, eu continuei não acreditando, heheheh. Arranquei o algodão da mão dela, achando que ela não estava esfregando o suficiente, só pra me enganar, e quase arranquei a unha fora de tanto que esfreguei.

Vendo que por nada no mundo a titica do “esmalte” saía, por fim, me dei por vencida e me convenci de que a lixa era realmente a melhor “invenção quietinha” que eu já vi recentemente. Imediatamente eu pensei: “Como é que uma coisa espetacular dessa não é divulgada aos 4 ventos??????”. Na mesma hora pensei logo em fazer um post, um filme, sei lá; qualquer coisa, para mostrar para vocês que produto maravilhoso era aquele, tamanha a minha empolgação.

Lembro ainda que a Nina acrescentou que a lixa pode ser usada sobre os esmaltes, caso não fiquem com “aquele brilho” esperado, fazendo, com perfeição, o papel do top coat (no quesito brilho). Daí eu surtei de vez. Mas me concentrei nas minhas atividades no encontrinho e já me via fazendo o post assim que voltasse pra casa.

Trouxe as lixas pra casa, e testei. Não testei lá no encontrinho porque eu estava com as unhas pintadas. O que eu queria mesmo era ver com meus próprios olhos como se fazia.

Tirei meu esmalte e vi minhas unhas “normais”. Peguei a lixa e passei o lado rosa nas unhas. Vi que a superfície fosca já mudou com a passada desse lado da lixa. Ficou com meio brilho. Depois que passei a parte branca, que é a de acabamento, logo minhas unhas pareciam vitrificadas e super lisas. Fiquei mais uma  vez surpresa, como se nunca tivesse visto aquele resultado antes.

Depois disso, só me lembro de ter pedido para a Nina fazer um vídeo, já que ela é a rainha dos vídeos. Mas como ela já tinha usado a lixa, seria preciso as unhas crescerem para o brilho ir embora, ou então passar a lixa grossa para fosquear novamente, mas aí é fogo, né? Ninguém quer reduzir a espessura da unha em prol de uma demonstração. Então, esperando as unhas dela ou as minhas crescerem, as lixas ficaram encostadinhas num buraco qualquer e caíram no esquecimento.

Hoje, estava procurando uma coisa, e revirando a cestinha de bagulhos que fica em cima da minha mesa, dei de cara com a lixa. E numa questão de segundos, revivi em pensamento tudo o que comecei a narrar desde o começo deste post. E pensei que agora seria um bom momento de mostrar os atributos da tal “lixa”, já que o brilho do meu teste já tinha ido embora havia séculos. Quando fui pegar algo na mesa, meu relógio, que estava em cima dela, caiu. E quando peguei o relógio, eu fui olhar para ver se tinha ganhado outro arranhão, e vi que só o tradicional arranhão estava lá, para meu alívio. Foi então que uma lampadinha acendeu sobre minha cabeça, e pensei: “Se a lixa é de polir e dar brilho, por que não tentar tirar o arranhão do “vidro” do relógio (que na verdade é de plástico, acrílico, sei lá). Peguei a lixa, e sem ter medo, esfreguei freneticamente a parte branca (a de acabamento) em cima do “vidro”, e vi que nada acontecia. Mas não desisti. Usei, desta vez a parte rosa, meio receosa de fazer caca. Como vi que não arranhou, continuei mais confiante. Me senti como um escoteiro tentando acender uma fogueira com gravetos. Cheguei até a suar, de tanto vai e vem, mas aos poucos fui vendo que ESTAVA DANDO CERTO!!!!!!

Passei uns 10 minutos esfregando o “vidro”, e no fim usei a parte branca, por desencargo de consciência. Eu fiquei tão cacada com o resultado, que imediatamente resolvi postar o fato aqui para vocês. É claro que eu fotei antes da “manobra” toda, porque se desse certo, eu não teria como mostrar a vocês se conseguisse, caso não tivesse fotado (e se desse errado e arranhasse tudo de vez, pelo menos eu teria uma foto de como meu relógio estava bonitinho só com aquele arranhão, uhauhauhauhuhaahu) E, orgulhosamente, mostro aqui para vocês o resultado da minha descoberta (a foto está pequena, mas é só clicar para ampliar e ver melhor).

Do lado esquerdo, vocês conseguem ver claramente o arranhão que está dentro do retângulo vermelho. Tentei colocar o relógio no mesmo ângulo para mostrar o resultado final. Ainda sobrou um fantasminha do arranhão, que certamente teria saído se eu ficasse esfregando mais. Mas sinceramente, cansei de tanta esfregação, e até então o resultado já tinha mais que me agradado. O “vidro” estava NOVO em vista do que estava antes.

E eu, que tinha terminado de pintar as unhas havia uns 15 minutos, reparei que algumas bolinhas estavam ensaiando para “pocarem”. Com medinho, mas tomando coragem, resolvi esfregar a tal lixa no esmalte para ver se ela conseguiria abaixar as bolinhas, já que a lixa é feita para polir, e precisamos fazer uma certa pressão sobre o esmalte para tanto. Se fazemos pressão, então pensei que ela poderia ajudar a abaixar as bolinhas. Não sei se foi coincidência, mas as bolinhas não só abaixaram, como o esmalte ficou super brilhante.

Logo depois disso, a Nina entrou no MSN, e eu não tive outra coisa a fazer senão colocar isso para ela:

Queria ter posto esse “OHHHH MYYYYY GOOOOOOOOD!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!”, mas era “grande demais” para o MSN:

Ela, obviamente, colocou uns 50 Cacos no MSN depois que contei e mostrei para ela a foto do relógio; e, tendo ouvido sobre o feito, a mãe dela sugeriu usar a lixa em um óculos. Peguei meu cascudinho de bater, que já está meio sambadinho, e não tive pena. Meti a lixa rapidamente. Vi que começou a dar certo, mas não tive braço e nem saco para terminar o serviço num óculos de sol de “6 dólar”. Fiquei super satisfeita por saber que se algum dia precisar usar no meu Pradinha, (que quase não uso por medo justamente de arranhar),  poderei fazer sem medo de ser feliz, ebaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa!

Daí eu pensei: poxa, eu não fiz o vídeo que eu tanto queria. E na preguicinha, resolvi fotar mesmo. Fiz o registro do brilho nas ex-cotoquettes (graças ao Vita Surge) com três fotos: 1) antes de usar a lixa, 2) usando o lado de preparação (rosa) e 3) usando o lado branco (acabamento). E o resultado mostro para vocês abaixo:

E então, o que acharam? Dá ou não dá pra duvidar que esse brilho todo “saia de uma lixa”???

Mesmo que não deixasse esse brilho lindo nas unhas, eu compraria umas 3 dúzias só para salvar meus reloginhos e óculos ou qualquer outra coisa que arranhe. Podem ter certeza que terei sempre algumas lixas novas dessas no meu estoquinho, para o caso de encontrar arranhões indevidos por aí.

Assim como a descoberta do quebra-nozes x garrafas pet, espero que essa descoberta tenha deixado vocês como no “Oh my God!” acima, hehehehe. Eu fiquei assim, ao cubo!

Só é preciso deixar aqui uma coisa clara: Eu tenho certeza que a lixa não servirá para arranhões profundos, somente superficiais. Portanto, não me chamem de mentirosa se seu relógio estiver com uma “vala”, hehehehehe, e a lixa não ter resolvido nada.

Bjus e bom feriado!

Adri =)))

Anúncios

Sobre Adri Portas

Tradutora, Blogueira e Filósofa (da vida)
Esta entrada foi publicada em Curiosidades, Dicas, Novidades, Produtos. ligação permanente.

40 respostas a Lixa Magic Magic Magic Magic Shine, Fing’rs

  1. Kelly Cavalcante diz:

    Meu deus! Isso é incrível mesmo e dá para entender o motivo de você não ter acreditado na sua amiga! EU também Não acreditaria! bjus.

  2. Caramba !
    Eu ainda não conhecia essa lixinha … vou procurar aqui na minha cidade !
    Interior de SP demora muitoooooooo pra chegar de tudo !
    A unha ficou mesmo parecendo esmaltada (com base ou EXTRABRILHO) ! kkkkk

  3. solangepaixao diz:

    Tenho uma, mas no plástico…. vamos testar… bjks e adorei a dica, e o post….

    • Gabi deixou os reloginhos sambados dela novos! heheheheh
      Bjus
      Adri

    • solangepaixao diz:

      Sambados? Vish, não entendi….. saudades de ver as unhas dela tb!!! Bjinho pras duas moçoilas!!! Sô (PS: pro Harry, a ave e os porquinhos tb….)

    • Sambado é acabadinho, hehehehe

    • solangepaixao diz:

      rs…. obrigada pela tradução simultânea… hj cedo eu vinha ouvindo um motoqueiro falando na linguagem dos motoboys cachorros loucos de Sampa, e vinha rindo, pois eles falam um dialeto tão maluco, que se eu fosse estranja ia demorar pra entender…. Lembrei de mim te aporrinhando pra saber as palavrinhas….. queima eu! Bjs, Sô (Paixão)

  4. Ahh já conhecia essa lixa há uns 8 ou 10 anos mas, nunca iria imaginar q serviria para arranhões superficiais!
    Belo achado!!!!!!!!
    bjs

  5. danakscully diz:

    Oi Dri! No início do post, pensei: creeedo, a Dri tá louca de zoar tanto a Nina??? Isso é coisa que se faça??? Mas quando vi a foto entendi perfeitamente bem o porquê de você não acreditar que ela estava sem esmalte incolor/base nazunha. É totalmente impressionante o resultado!!! :-O Ontem eu fui buscar minha bike numa bicicletaria que fica parede com parede com uma loja de cosméticos (meninas, acreditam que o nome dessa perfumaria é Perfumaria???? hahahahha) e comprei uma para mim e uma para minha irmã e minha mãe e foi meu marido quem primeiro testou a lixinha, na casa delas. Ficou todo mundo de queixo caído! uaheehuahu Ah, nessa ocasião, acabei trazendo o Patchwork para casa…
    Bem bem, valeu muito pela dica!
    Beijos,
    Van

    • HUhuahuahuauhahuahuahua. Eu não costumo duvidar do que meus olhos não duvidam, uhahuahuauhhuahuaha
      Eu falei que era impossível acreditar naquilo sem ver com os próprios olhos.
      Perfumaria? Bem original! hahahahahahaha
      Bjs Van
      Adri

  6. raquelraposo diz:

    Como assiiiiiiiimmm????? Estou de queixo caído!!! Como isso é possível!!! Eu também não acreditaria!! Preciso de uma dessas!!!!!!!

  7. Nadia diz:

    Já existem no Brasil a algum tempo… sabem aquelas lixas que tem 4 lados um de cada cor? pois é… um dos lados dela tem o mesmo efeito, eu não uso mais porque deixa minhas unhas finas (pois elas já são fracas por natureza).
    Mas para quem tem unhas saudáveis e não pode ou não quer usar esmalte é ótima.

  8. Afff…. agora morri mesmo!!!!! Sem comentários!!!!!

  9. claracascuda diz:

    O pior Adri e que faz tempo que eu entro aqui no seu blog, eu so nao devo ter visto esse post por algum motivo, pode ser que es estivesse viajando nesse dia! E olha que eu pesquiseipra caramba antes de fazer a caguida!
    Beijoa miga
    Tati

  10. Tatiane C M Baena diz:

    Pois é Adri, eu conheci essa lixa quando fiquei com as unhas amarelas por causa do Barbarela da Sancion Angel! Me falaram aqui na net mesmo, que se eu desse uma lixadinha e polisse talvez resolveria o problema do amarelado! Na epoca eu nao achei ninguem falando do tal “Cuccio”, dai fui lá e fiz mer….Afinei todas as unhas por causa de tirar uma meleca de um amarelado, e agora to penando com elas, porque ficaram quebradiças, e quebram assim que saem da “carne”, to aqui com meus cotocos, morrendo de raiva da infeliz ideia de lixar as unhas!!! Mais a verdade é que a caguida foi minha mesma, essas lixas sao pra polir e nao pra tirar amarelado dã, descobri da pior maneira possivel….
    Beijos More
    Tati

    • É realmente lamentável que você não tenha nos descoberto antes, pois há praticamente um ano conheço o Cuccio, e postei sobre ele aqui no blog.
      Deve ter ficado um horror a unha brilhante e amarela… Jesus…
      Que dó!
      Bj
      Adri

  11. Adri, minha irmã trouxe pra mim dos EUA uma lixa que tem o mesmo objetivo desta, que deixa a unha com um brilho incrível! Só que é da marca Onsen, e é quadrada (cada lado do quadrado é uma etapa)! Também fiquei besta quando vi isso na época, impressionante como essas coisinhas fazem a nossa felicidade, hahaha. beijos

    • Olhe, devo te confessar que a utilidade dessa lixa para unhas não chegou nem perto da utilidade que achei para o relógio, uahuahuahuhuauha. Eu não fico sem esmalte mesmo, então para mim é indiferente ter ou não a lixa para as UNHAS. Agora, para tirar arranhões em óculos e relógios, é o céu pra mim.
      Eu fiquei surpresa MESMO, foi com o fato de deixar a unha vitrificada, como diz a Cíntia. Mas para mim, realmente não terá utilidade na unha, heheheheh
      Bjs
      Adri

  12. Tive a felicidade de há um bom tempo ter comprado para experimentar nas minhas unhas onduladas, e não só consegui me livrar das ondas, como ganhei uma unha que parecia de vidro kkkkk

    Simplesmente maravilhosa essalixa

  13. jehmikui diz:

    meu Deussssssssss parece que é base mesmo amiga :O
    acho que eu iria fazer igual vc fez ahahahahahaha é quase impossível acreditar que só a lixa deixa aquele brilho todo na unha o.O
    fiquei passada =~
    Vou ali comprar uma dessa e já voltooooooooooooooooooooooo hahahahahahahah
    terei que testar 🙂
    beijoooooo

    • Pois… Eu estava vendo a hora que a Nina ia me sentar o sarrafo! uhahuahuhauhuahuahua Ela já estava pau da vida comigo, uhahuahuauhauhahu
      Mas realmente é praticamente impossível acreditar, para quem nunca viu isso, e mais ainda, se não viu a prova da verdade, heheheheh.
      Bjs
      Adri

  14. Nunca vi esta lixa, mas eu sou uma baita moscona, como se diz aqui no sul! Adorei, e vou comprar, por causa de uns óculos arranhados e pelas odiosas bolinhas! A Nina já me indicou ótimas lixas, agora vem com este produto milagroso! O que mais, Nina?

  15. Hum….lá vou eu amanhã naquela lojinha famosa que fica aqui na Liberdade em SP pra fazer estoque kkkkkk
    *_*

  16. Eu tinha dessa, uma 3 em 1 da Fing’rs.:lixar, pré-polir, polir.É fantastica mesmo, deixa tudo muito “brioso”. Só que aí que tá , eu n gosto tão “brioso”, pelo contrario: quanto to sem esmalte, passo uma base fosca. Sem contar que a unha lisissíma me da tremelique G.G. Enfim, a minha teve um fim trágico: vazou removedor na minha caixinha, dando um banho nela. Quando fui pega-la o removedor amoleceu tooooooooooooooooooooda a cola e ´só sobrou uma fita rosa melecada solta da base #chatiada (sim, chateada com i).
    Aí eu comprei aquelas maquininhas super polishop, que vem com umas 5 ponteirinhas diferentes, uma pra cada coisa e funciona a pilha. Paguei uma merréca no ebay. Pra mim que não gosta de algo muito lustroso foi ideal e eu adoro aquela lixa gente que rooooda e roda e roda *-*.
    O meu unico problema com a Fing’rs foi alcançar a base da unha, próximo a cuticula. Ou não conseguia ou conseguia muito porcamente. Acho que é porque minha unha é super curvadinha.

  17. auhauhauhauahauhaahauauhaahu
    Preciso dizer que gargalhei com esse post? Gente, a Dri reparou bem nas “pisadas”. A mãe vive me repreendendo por isso. uahauahuahuahuahuah
    Enfim, ela (Adri) já estava me tirando do sério mesmo. O pior é que eu “piso forte” sem nem me dar conta, a menos que alguém faça uma cara de “wtf”, auahuahauhauhuahauahu
    Sobre a lixa… é realmente fantástica. Depois desse post eu acho melhor “garantizar” mais algumas pro meu estoque, hehe

  18. Aurea Lobo diz:

    Dri….to xocada com essa lixa…pena que é feriado, caso contrário já tinha saído pra garantir uma duzia desse verdadeiro cinto do Batman…sei onde tem….amanhã to lá com certeza, garantindo a minha….além da vontade de “botá azunha pra briá”…tenho muitas coisinhas pra tirar o arranhãi….óculos de trabalhar…..telinha do IPod……muita coisa.
    obrigada pelas dicas sempre muito legais.
    bjks

    • uhauhahuahuauhauhauhahua
      Cinto do Batman foi “ótemo”! Amiga, telinha do Ipod (se for o touch), é de vidro. Não creio que isso funcione com vidro, somente com “prástico”.
      Até onde minha memória lembra, acho que o ipod pequeno é de “prástico”, daí dá!
      Boa sorte, e deixe algumas lixas pras outras comprarem também!
      Bjus
      Adri

  19. kkk, deu pra perceber que a Nina é muito paciente! Eu já teria rosnado pra você no meio do salão, rs! tenho a lixa da fingrs, da konad e uma grossa, de quatro lados. São maravilhosas! Aí a KK fez o favor de me apresentar a lixa da Layla e pirei de vez!

  20. rafaela blank diz:

    Serio mesmo que é só a lixa??? caramba realmente nao dá p acreditar….hihi vou ter q arrumar uma dessas p mim tb… brigadu pela dica…bjuu

Obrigada pela visita e pelo seu comentário!!! <3

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s