Liquid Palisade

Nome chique. Algumas vão achar interessante, outras vão achar uma goiaba (para quem não sabe o que significa GOIABA, consulte nosso dicionário de esmaltaradês no menu na página principal). Eu estou em cima do muro. Para uma coisa acho besteira, para outra acho legal. Bem, vou explicar.
Trata-se de uma espécie de borracha líquida que endurece após alguns minutos de aplicação. Após endurecer, fica bem elástico e difícil de partir. Esse líquido vem em um tubinho como um rímel, só que o pincel é um pincel fino comum. O propósito principal dele é ser passado em torno das unhas, criando uma barreira para o esmalte. Assim, você pinta as unhas, e o excesso que invadir o espaço da cutícula sai junto com o produto quando você puxá-lo usando uma pinça de ponta fina.

Vocês entenderão melhor olhando o vídeo. Ele está em inglês, e a guria fala pelos cotovelos. Eu gostaria de poder cortar a falação, mas nao teve jeito, não dá pra baixar o vídeo. E se você não estiver como mínimo saco de ouvir 2 minutos de falação, como eu, espere o vídeo baixar no modo pausado e depois que já tiver baixado bastante (você verá a barra cinza avançando), você leva a bolinha, na barra cinza, até 2:05 minutos, que é quanto, finalmente, a matraca começa a mostrar algo útil, embora continue com a falação. Melhor ver o vídeo somente, e não ouví-lo também. Eu, providencialmente, deixei no modo MUDO e vi o video em paz.

Apesar da falação toda, ela mostrou num vídeo só várias aplicações para o produto, que eu comento abaixo:

Usar para limpar a cutícula após a esmaltação – Ao meu ver, só é útil com esmaltes que fazem caca geral, como os pretos, azuis, verdões, roxões, marrons, etc., que são mais chatinhos de limpar. Para as demais cores eu acho uma grande bobeira, porque o tempo que se leva pincelando o produto ao redor de todas as unhas, com cuidado de preencher todos os espacinhos para não haver falhas, é talvez maior do que você passando algodão no palito, mergulhando na acetona e limpando. Sem falar, é claro que o produto custa 22 dólares, e eu não acho nada útil torrar uma senhora grana só para limpar o trivial.

Usar para fazer delimitações de cores em francesinhas, inglesinhas e nail arts – Acho interessante usar para esse fim, sendo que, se prestarem atenção, quando ela puxa arrepia a borda do esmalte todo, o que creio possa ser “maquiado” com o top coat, depois de tentar dar uma abaixadinha com jeitinho…

Vendo esse produto, ele se parece com duas coisas, cola plástica (cola branca das usadas nas escolas – quando eu era menina gostava de passar cola na palma da mão, deixar secar e puxar pra tirar aquela placa de cola seca) ou até mesmo aquelas máscaras faciais tipo da Avon que parecem um plástico depois que seca. A cola plástica demora pra secar e é muito fraquinha, parte à toa. Já a máscara acho que seca mais rápido e é mais resistente que a cola branca. Sendo que a máscara é mais “quebrável”, pois não tem a elasticidade do Liquid Palisade. Mas, se pegar o jeito, pode até ser que se consiga usar com facilidade. O máximo que vai acontecer é você ter que puxar vários pedaços da máscara, enquanto que com o Liquid Palisade vc puxa uma vez só, porque ele não parte. A filosofia do produto é interessante, mas muito cara. Mas confesso que gostaria de tentar a substituição pela máscara facial, com esmaltes chatos de limpar.
Quem se arrisca primeiro? Alguém tem dessas máscaras em casa pra testar e nos contar?
Bj
Adri =)))

Anúncios

Sobre Adri Portas

Tradutora, Blogueira e Filósofa (da vida)
Esta entrada foi publicada em Curiosidades, Produtos. ligação permanente.

12 respostas a Liquid Palisade

  1. Edson Bassan diz:

    Desenvolvi um contra tipo desse produto e fabrico ele com látex de borracha natural. Em breve estará no mercado com preço acessível e qualidade igual ao importado. E sem a falação da menina.

    • Isabela Fernandes dos Santos diz:

      Edson, como vc acertou o PH do látex? Pois 10,42 é muito alto para pele.

  2. Obrigada pela a informaçâo .

  3. Rose Sena diz:

    Já tinha visto esse produto no blog de Marcela para Ana e ela deu a dica de usar a máscara facial que eu testei e gostei porque eu tenho a pele muito sensível e mesmo usando removedor hipoalergênico depois da limpeza minhas cutículas (que eu não tiro) ficavam vermelhas e sensíveis. Acho que é válido também para esmaltes difíceis o problema é a paciência pra passar a danada da máscara, talvez se alguma empresa nacional fabricasse com um preço legal pelo menos aguçaria a curiosidade. Beijo

  4. diz:

    Eu gostei,mas não preciso dele pra viver não,pra mim é bem dispensável,mas é bom porque ficamos sabendo que tem de tudo por aí,e só não se embeleza mesmo quem não quer!
    Um beijo
    Amei a dica

    unhadeverniz.blogspot.com

  5. Fiquei empolgada não……..bjus meninas!!!!

  6. Deise diz:

    Ah, eu não pagaria caro por um produto tão dispensável! Já vi dicas de blogueiras que usam óleo secante no palito, quando usam os esmaltes chatinhos de limpar. Nunca fiz, porque até hoje consegui limpar os cantos com uma certa facilidade. E dispenso a tal nail art…então para mim é goiaba! Mas por curiosidade, vou querer saber se alguém testou a cola ou a máscara plástica. Sugiro fita durex também. Testem, gurias!

Obrigada pela visita e pelo seu comentário!!! <3

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s