Minikit de Esmaltes Claire’s

Quanto tempo, heim, meninas!

Pois é, a coisa ficou complicadinha por aqui. Sexta-feira, dia em que fui para Buzios encontrar KK, o mesmo cliente esbaforido que me ligou pedindo trabalho urgente da outra vez que fui para Buzios com minha amiga norueguesa, me ligou de novo pedindo mais trabalho urgente. Parece até que ele fareja quando eu quero ir pra Buzios, hehehehe. Eu só fui arrumar a mala por volta das 3 da tarde, quando finalmente terminei o trabalho.

Gabi trabalha na empresa do ex de segunda a quinta, e na sexta ela tem que assistir aula sobre como trabalhar em uma empresa, ministrada pelo CIEE (Centro de Integração Empresa-Escola). Na sexta ela saiu às 16:30, e eu fui buscá-la na faculdade onde é a aula. Pegamos um trânsito desesperador no caminho. Para vocês terem uma ideia, chegamos na entrada de Buzios por volta das 19 horas. E no meio do caminho o trânsito parou por causa de um acidente com um caminhão-pipa. Ninguém andava nem de cá pra lá, e nem de lá pra cá. Vários carros deram meia-volta e foram embora. Como eu não conheço nada por aquelas bandas, só o caminho normal mesmo, eu não quis arriscar. Eu já tive uma experiência desagradabilíssima por ter ido atrás de gente que supostamente estava fugindo do engarrafamento. Fui parar num buraco, às 23 horas da noite, que só Jesus para ter me mantido viva!

KK saiu bem tarde de casa. Enquanto eu estava engarrafada, ela ainda estava na Niteroi-Manilha. Ia demorar para chegar, com certeza. Nós esperamos no engarrafamento mais ou menos meia hora, e enfim, finalmente, um guincho levou o caminhão batido embora.

Como estava tendo o festival gastronômico, a rua da pousada estava fechada para veículos, pois havia muitas mesas na rua. Eu tive então que deixar Gabi com as coisas em uma rua próxima à pousada e ir catar uma vaga para estacionar o carro. Até que não foi tão difícil encontrar.

Quando cheguei à pousada, Gabi estava conversando com a Roberta, dona da pousada. E foi exatamente o que eu fiz. Nem cheguei a ir para o quarto. Enganchei na conversa também e ficamos papeando até umas quase 22 horas, quando KK chegou. Como ela não sabia onde era a pousada, tive que passar as instruções pelo telefone. Até que não foi tão ruim, hhehehe. Eles conseguiram acertar.

Depois que eles chegaram, trocamos de roupa e fomos para a rua. O festival gastronomico em Buzios é o seguinte: todos os restaurantes da Rua das Pedras (rua da badalação) e da rua de trás (rua da pousada) fazem um prato, que é o prato que irá competir com o prato dos restaurantes concorrentes. Todos os pratos criados pelos restaurantes são vendidos em pequenas porções ao preço de 15 reais. Havia restaurantes que criaram sopa, outros carne, outros frutos do mar e outros sobremesa. E assim, fomos beliscando os pratos, onde KK dividia com o Maike e eu com Mary. Eu e Gabi comemos 7 pratos, incluindo a sobremesa. Quando já havíamos comido bastante, fomos dormir. Estávamos um caco.

No dia seguinte acordamos e ficamos na mesa do pátio da amendoeira (na pousada) conversando. Já era umas 10 e pouca quando resolvemos juntar nossas coisas, deixar nos carros e rodar. Fechamos nossa conta e fomos deixar as malas nos carros.

Depois começamos a rodar. Muitas lojas estavam fechadas, mas, já quase meio dia, havia vários restaurantes abertos. Depois de rodar um pouco, resolvemos almoçar no meu restaurante humilde preferidinho: Bananaland. Por sinal, o nhoque deles na noite anterior estava um espetáculo!

Depois do almoço (comi à bessa), viemos para casa. No meio do caminho, paramos na nossa casa de praia para mostrar à KK e Maike. Eles adoraram a casa e o lugar, e já agendaram para o feriadão de 7 de setembro, hehehehe. Quando chegamos aqui em casa, instalei Kakous (como Mary chama KK) e Maike no meu quarto, e eu fiquei no quarto da minha mãe.

KK conheceu as crianças, Harry e a ave, que apaixonou à primeira vista pela KK. Não largou a pobre até o último instante. E a empolgação dele foi tão grande que ele abriu o rabo em leque e comeu a alça da bolsa dela. Como eu estava sem óculos, achei que ele estivesse beliscando o ombro dela, heheheheh, mas estava mesmo é fazendo um estrago na alça da bolsa. Depois de instalados, trabalhamos um pouco.

À noite levei KK e Maike ao nosso restaurante preferido, o Lucca. Era rodízio de pizzas e massas. Maike e Gabi quiseram o rodízio, e eu e KK dividimos uma magnífica massa com filé; meu prato preferido. KK adorou o Lucca e também a comida, claro! Ficamos de levá-los em outra vez que vierem (SE vierem), ao Sansai, um restaurante japonês que tem rodízio de comida japonesa/chinesa de terça a sábado. Achamos que eles vão adorar.

No domingo de manhã fomos todos às compras. Fomos ao mercado de peixe comprar o ingrediente principal do almoço, depois fomos ao hortifruti e supermercado. Fiquei sem graça de levar todo mundo pra fazer compras, mas pra minha sorte, KK disse que adora ir a mercados nas cidades diferentes que vai. E lá no hortifruti ela achou aquela tapioca pronta para fazer, que eu comprei uma vez, lembram? Ela disse que nunca tinha visto em Niteroi, e como lá tem Hortifruti da mesma cadeia de lojas, vai procurar por lá pra ver se encontra.

Quando voltamos eu e KK trabalhamos na placa D e conversamos sobre os planos dela para a Drikk. Gabi colocou a pobre da KK para fazer o almoço. Ela queria que KK fizesse o tal Peixe à Delicia que ela comeu quando foi pra casa da KK sozinha. Fomos almoçar às 16 horas. E justiça seja feita; o peixe é mesmo uma delícia. Gabi a convenceu a ir embora somente esta manhã, e assim foi feito.

Às 18 horas fui buscar meu irmão que chegou à cidade, para mais uma quinzena de trabalho. Era aniversário dele. O trouxe para casa e ele conheceu KK e Maike, e ficamos batendo papo. Não é necessário dizer que ele gostou muito dos dois. Quem não gosta? Por volta das 21 horas foi minha vez de mostrar meus dotes culinários. Fiz meu tradicional camarão VM ao curry. Fiquei feliz que eles gostaram. Até meu irmão, que tinha comido o Peixe à Delícia às 19 horas, acabou comendo de novo, pois não resistiu ao cheirinho e à cara do meu camarão, ehheheheh. Como diz ele, ele almoçou o Peixe à Delícia, e jantou o Camarão ao Curry, hehehehe (com um intervalo de uma hora entre um prato e outro, heheheh).

Hoje de manhã acordei e fui trabalhar um pouquinho. Ninguém tinha acordado ainda. Quando minha empregada chegou, ela colocou a mesa do café para o primeiro café decente que KK e Maike tiveram, heheheh. Eu não tinha feito compras, então não teve café ontem. E na pousada, como eu já falei antes, só teve o cafezinho mesmo. Desta vez não rolou nem um pãozinho com manteiga, como foi comigo e Eva, a amiga norueguesa.

Por falar em café, no domingo, antes de irmos ao mercado de peixe, eu estava fazendo um café na cafeteira expressa, e enquanto preparava o café elogiei a cafeteira para a KK, dizendo que a cafeteira nunca deu problema. Gente, vocês acreditam que foi só o café começar a sair que começou a sair água também, por outro lugar que não o buraco onde deve sair? Fiquei super sem graça, pois tinha acabado de dizer que a cafeteira nunca tinha dado problema. E, na curiosidade, achando que eu tinha encaixado o depósito de pó de forma errada, a doida da Gabriela meteu a mão na alavanca e girou para o lado de abertura, sem eu ver que ela estava fazendo isso. Ela acabou aprendendo, da pior maneira possível, que não se deve mexer em nada que esteja sob pressão, principalmente quando envolve altas temperaturas. No que ela girou a alavanca do depósito de pó, ela liberou toda a pressão do vapor da cafeteira, e voou borra de café pra todo lado. Deu um estouro! Eu virei assustada pra ver o que era, e vejo Gabriela toda suja de cafe com pó, de cima a baixo, e os óculos sujos e embaçados pelo vapor do café. Essa retardadinha deu sorte de não ter sofrido uma queimadura feia. O café voou a pelo menos 2 metros de distância, e melecou tudo: armário, chão, porta da despensa, bancadas, geladeira – só o teto ficou de fora. Em resumo: emporcalhou a cozinha praticamente toda. E depois de ouvir uma bronca cinematográfica, limpamos tudo, e até a pobre da KK, que não tinha nada com a coisa, entrou na limpeza. Só lamentei não ter tirado foto de como a Gabriela ficou depois do acidente, pois realmente, depois de passado o susto, lembrar de como ela ficou suja, é engraçado.

Por volta das 10-11 horas de hoje, KK juntou tudo, inclusive as caixas de esmalte dela que estavam aqui, e foi embora. Foi ótimo tê-los aqui em casa. Realmente uma pena que moremos tão longe uma da outra. Seria ótimo se pudéssemos no encontrar sempre.

Infelizmente não tirei uma fotinha sequer do findi. Mas acho que a narrativa de como foi já deve dar pra vocês “visualizarem” como foi, né? hehehehe

Antes de ir para Buzios, KK havia pegado uma caixa de esmaltes que havia chegado para ela. Abrimos a caixa quando chegamos aqui em casa. Dentro da caixa, tinha esse minikit que vou mostrar pra vocês.

A Claire’s tem sempre kits de miniesmaltes diferentes. Só que os kits de esmaltes têm edição limitada. Uma vez que acabem, não fazem mais. Criam outros parecidos, mas com embalagens diferentes. Esse tem fotos de cães e gatos, e cores super fofas, todas com brilhinhos.

Rosinha, laranja, verde, azul, amarelo, pink e magenta. Ela recebeu 3 kits desses, e um, é claro, catei pra mim. Os vidrinhos têm 4 ml.

Não experimentei ainda, mas estarão na fila para serem usados em breve, hehehehe.

Bem, é isso aí, meninas. Vou dormir porque estou caindo de sono.

Grandes beijos!

Adri

Anúncios

Sobre Adri Portas

Tradutora, Blogueira e Filósofa (da vida)
Esta entrada foi publicada em Bobeirinhas Familiares. ligação permanente.

12 respostas a Minikit de Esmaltes Claire’s

  1. Poxa, fiquei uns dias sem entrar e olha quanta coisa eu perdi!!!
    Ah, eu não conheço muito a KK, só pelo que você conta, mas eu adoraria morar por aí!!! Preciso de uma amiga tresloucada (ops… fica brava não! :P) para me tirar na marra dos buracos em que me enfio de vez em quando… Adoro o seu jeito de ser Adri (mas você já sabe disso, né?), até os “defeitos” que você diz ter para mim são qualidades.
    Ah, mas vocês aproveitaram bem o findi, ein? Que bom!!!
    Eu hoje estou especialmente feliz, pois fui ver minha casa que está reformando como está e ela está linda!!! Amei tudo o que vi e o melhor: os móveis planejados chegaram hoje (menos de 35 dias corridos a contar da assinatura do contrato!!!) e na segunda começa a montagem. Resumindo: só falta comprar algumas luminárias para fora e luzes de emergência e o guarda corpo para o corredor dos quartos e posso voltar para a casa!!! \o/
    Adri, cê foi muito malvada mostrando esse kit de esmaltes. 😛 Eu amo de paixão tudo o que tem foto de cães e gatos e babei nesse kit, mas, agora já sei que nunca terei sequer um vidrinho fofo desses daí. heheh
    Beijos e bem vinda de volta,
    Van

    • Seria ótimo se vc morasse por aqui, Van…
      Fico feliz pela casa. É realmente uma maravilha quando vemos nosso sonho se transformando em realidade!
      Desejo toda felicidade para você no novo lar.
      Bjus
      Adri

  2. Tat diz:

    Vcs estão trabalhando na nova placa, que bom! Mas a DRK-A não vai mais ser fabricada não? Tem um tempão que eu espero para comprar e não consigo. Uma pena!

  3. solangepaixao diz:

    Adri, um ótimo dia procê!!! Gabs, fiquei preocupada com sua arte na cafeteira, que perigo, guria….. mas vivendo e aprendendo, né…
    Que mini kit super fofo!!!! Tô doida pra testar os La Femme pra carimbo da KK que estão em fase de empacotamento. Que esmalteria super mega fofa a dela!!!! Caí dura quando vi tudo, amei….
    Bons trabalhos pra ti, amiga!! Eu não aguento mas esse frio impiedoso da terra da garoa. Cadê o verão, Pedrão? kkkkk bjus!!! Sô

  4. Paola. diz:

    Que linda essa amizade que você tem com a KK:)
    passeio bom hein!!
    nossa, um dia tava no mercado, e um senhor precisou levantar a tampa do carro dele pra ver o que estava acontecendo,tinha dado pau no carro, e com o motor ainda quente ele ABRIU a tampa do reservatório de água.
    imagine a cena.
    a água saiu com tanta força, não parava de sair água, e ele estava na frente do carro, foi Deus ele não ter se queimado, sorte que no dia tava frio e ele tava de japona.
    e eu ainda tava perto auhauahuah que medo, aloko.
    eu já sabia que não podia fazer isso, mas esse episódio serviu pra fixar bem. nunca mais esqueço.:(

  5. Nossa, que findi cheio de diversão e emoções! E pra fechar o post com chave de ouro, um kit de mini esmaltes lindinho…Adorei!

    • O melhor do findi foi mesmo ter KK aqui em casa, hehehehe Conversamos muito sobre várias coisas e assuntos. A comida, é claro, foi só um adicional para melhorar tudo, hehehehe.
      E DORY ESTÁ DE VOLTA!!!!!
      Bjus
      Adri

  6. caramba, que fim de semana hein!!! MAs o trânsito é de matar!! Apesar de eu ter entrado atrás de fotos de vocês neste finde, adorei ver a foto do mini kit!
    :))
    Beijos

Obrigada pela visita e pelo seu comentário!!! <3

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s