Neutral Orange – Peripera

Boa noite, meninas!

Tentando fazer essas unhas ajudarem, mas está meio fogo. As bichas parece que se recusam a crescer, e eu, ando sem tempo de dar a devida atenção às bichinhas. Acho que elas estão meio revolts, hehehehehhehhe. E dá-lhe Mavala!!!! KK, heeeelp!

Depois de morrer de raiva, pois ontem à noite eu abri um arquivo no email (abri, não salvei), e comecei a editar. Passei hooooooooooooras traduzindo a titica do arquivo, e lá pela meia noite de ontem eu resolvi fechar o trabalho para ir dormir. E adivinhem o que aconteceu!!! PERDI TUDO! Como eu só abri o arquivo, e não salvei, quando fechei simplesmente perdi tudo o que eu tinha feito! Olha, que raiva que me deu! Se eu morasse num prédio acho que teria me atirado pela janela, de raiva. Tinha feito 6 páginas! Fucei tudo, tentando achar qualquer buraquinho onde o diacho do arquivo temporário pudesse estar, mas depois de perder muito tempo procurando, resolvi arregaçar as mangas e recomeçar o trabalho, sem ir dormir, é claro! Que ódio me deu!

Resultado é que fui dormir quase 2 da manhã, e acordei às 7. Dormi 5 horas somente, e ainda assim nem consegui chegar às 6 páginas que tinha feito. Não tem nada que me dê mais raiva do que refazer algo que perdi horas fazendo.

Para espairecer um pouco, já que meu dia hoje foi o cão, eu resolvi dar uma pintadeeenha nazunha. Escolhi um esmaltinho que estava há séculos querendo usar: NEUTRAL ORANGE, da Peripera.

Neutral Orange - Peripera OR 408

Esse esmalte me encantou assim que bati os olhos nele. KK estava nos States quando me mostrou a foto dele, e eu apaixonei. Ele tem uma cor laranja meio puxadinha pra telha. É simplesmente um laranja leeeeendo!

Neutral Orange - Peripera OR 408 2

E Peripera vocês já conhecem, né? Pincel chato e largo, maravilhosamente fácil de esmaltar, como eu gosto, cobertura boa, apesar de eu ter passado duas camadas nessa mani, e um perfuminho bem gostosinho, mas que pode enjoar um pouco.

Neutral Orange - Peripera OR 408 3

Eu finalizei com Seche Vite, pois eu esmaltei à noite, e nenhum top coat é tão máximo, na minha opinião, do que o SV!

Para comprar esse linducho, vá no site da Esmalteria da KK. Ele custa 19,00. Aproveite para ver seus outros irmãozinhos e as outras maravilhas que tem por lá!

Agora, já estou pensando na carimbada que vou dar nesse dyvo amanhã!

*** UPDATE ***

Não ficou nada sensacionaaaaal, mas ficou interessante a carimbada. Usei o desenho de pied-poule da DRK-A

IMG_4983b

E a saga do carro finalmente acabou! Consegui, depois de dois meses esperando, pegar meu carrinho.

542809_432343010181490_1235823236_n

Agora é emplacar e pagar o IPVA, para eu ficar pobre de vez e começar a roer beira de penico!

Estou simplesmente maravilhada com o carrinho. O que mais gostei nele é que não preciso ficar como uma louca catando “a chave” na bolsa para abrir e ligar o carro. Ele funciona com a chave dentro da bolsa mesmo, ou seja, ele abre sem a chave e liga sem a chave também. Ele tem um botão interno que a gente aperta e dá a partida. Mas é necessário que a chave esteja a uma determinada distância do carro, senão não funfa.

O acendimento dos faróis é automático. Se anoitecer, ele acende sozinho enquanto estiver dirigindo. E o mesmo acontece se começar a chover. Ele tem um sensor que aciona o limpador de parabrisas à primeira molhada, hehehehe. Um looosho!

Diferente do outro carro que eu usava, o som funciona com bluetooth. Eu não preciso conectar o meu iPhone com cabo nenhum para ouvir minhas músicas do telefone. Além disso, qualquer ligação que eu queira fazer, não preciso nem pegar no telefone. Uma beleza! Faço tudo com os botões no volante (controlar o som e o telefone).

Ele tem piloto automático, porta-luvas refrigerado, sensor de estacionamento, computador de bordo, e muitas outras coisas maravilhosas, como 6 airbags e garantia de 3 anos. A direção é tão levinha que nem parece que estou dirigindo. A única coisa ruim, em comparação com o outro carro que eu usava, é que este é a gasolina (ou álcool), portanto, vou gastar bem mais para rodar com ele (o outro era a diesel). Mas pelo menos é MEU carro! Não preciso mais dividir com ninguém e nem ouvir chiliques se acontecer alguma coisa fora do normal (um arranhãozinho na pintura, por ex.).

Amanhã vou na concessionária colocar a capa acrílica do estepe, que ficou faltando, e ele finalmente estará completinho. E sábado vou enfrentar a via crucis do Detran para fazer o emplacamento e tirar a primeira licença.  E na outra semana, KK, aí vamos nós!!!!!!!!!!!!!!! rsrsrsrsrsrsrs

E para as curiosas, sobre o romance, está tudo bem. Recebo dele um torpedinho carinhoso de bom dia todos os dias, e falo com ele por telefone pelo menos uma vez no dia.

Ele me disse uma coisa neste fim de semana que passou, que me fez refletir bastante: “A VIDA NÃO TEM GRAÇA SE VOCÊ NÃO VIVE PARA AMAR ALGUÉM”. É a mais pura verdade…

Fico feliz por saber que ele antes não tinha muitas expectativas para o futuro dele, e que agora ele faz planos que me incluem, e se sente motivado a fazer mudanças na sua vida. É claro que ainda tem MUUUUUUUUUUUUITO chão pela frente, e está cedo demais para qualquer coisa, mas saber que alguém conta comigo para mudar sua vida para melhor, é uma coisa muito boa.

Ele continua sendo uma pessoa muito carinhosa e atenciosa comigo. Espero que eu sempre valorize muito isso, e que nunca me esqueça que homens como ele são raridade por aí, heheheh. Espero que essa relação amadureça com sabedoria, respeito e confiança mútua, e conto com ele para fazer algumas mudanças na minha vida (para melhor). Espero poder me tornar uma pessoa mais calma e paciente, heheheheh, pois calma e paciência ele tem de sobra!

Bem, meninas, vou me recolher agora. Bjinhos em todas.

Adri :D

Crystal Beige – Peripera e Flores, por Vivi Kermeci

Oi, suas lindas!

Como vocês estão?!? Eu estou na mesma… Vovó continua na mesma UTI, sem reagir a nada. 78 dias na mesma… Pra complicar um pouquinho mais, meu sogro também está na UTI de outro hospital, com um problema cardíaco… Acho que isso explica minha falta de regularidade por aqui. Mas espero que vocês entendam.

Bom, vamos ao post… Eu vi uma nailart de uma amiga e fiquei totalmente seca pra fazer igualzinho! Não tinha o mesmo esmalte, mas improvisei com um que comprei num dos encontrinhos da Esmalteria aqui em São Paulo. É o Crystal Beige, da Peripera.

Ele é um bege, num tom meio pérola, com acabamento glass flecked douradinhos, bemmmm delicado. Os brilhinhos ficam extremamente aparentes nas unhas, mais até que no vidro! Ele tem uma cobertura boa, é facílimo de passar, seca até que rápido e tem um brilho bom. Mas ele tem 2 problemas que me incomodam um pouco. Na verdade incomodar, incomodar mesmooooo, só um deles incomoda. Explico: ele é meio chato pra limpar. Ficam esses brilhinhos por toda parte! Mas lavando a mão umas 2 vezes o problema é resolvido. Mas esse cheiro dele… Afffffffffff… Não é que é ruim… Mas eu fico com gosto de sabonete na boca! Não que eu já tenha comido sabonete, mas tenho certeza absoluta que o sabonete tem esse gosto que vem na minha boca, cada vez que eu sinto o perfume desses Periperas. Isso acontece com todos, sem exceção! Queria saber quem é que falou pras empresas de esmalte que a gente quer perfume neles… Tsc tsc…

Carimbei uma estampa fofa da plaquinha BM-308. Usei o esmalte preto da La Femme e o carimbão da KK. Acho que estou me acostumando com ele já… Ficaram umas falhinhas, mas achei o resultado razoável. Os esmaltes pra carimbo da La Femme são ótimos! Recomendo!

 Pra finalizar, matifiquei tudo. Usei 2 camadas do Matt Plus, da Big Universo, porque eu queria bemmmmm fosco. Passei com muito cuidado, e quase não borrou a estampa. No começo me arrependi, porque o Crystal Beige tem uns brilhinhos muito lindinhos, mas depois gostei muito. Achei chic!

 DSC06881

DSC06876

DSC06883

A Adri postou a versão dela do Crystal Beige aqui. Confira!

Tudo que usei nessa nailart, os esmaltes, a plaquinha, o carimbão, veio tudo da Esmalteria. Acho que a KK deve ter a maioria das coisas disponíveis lá, mas se não tiver em estoque, preencham o formulário de avise-me, que quando voltar ao estoque eles mandam um e-mail.

Espero que tenham gostado.

Beijossssss e bom feriado pra todo mundo!

 Vivi

Satin Green – Peripera

Boa tarde meninas!

Começaram o ano com o pé direito? Eu consegui passar um ano sem dormir, finalmente, depois de dois anos.  Na última hora decidi vir pra Niterói, pra casa de Kakous, e foi uma excelente decisão. Ademais, precisava trazer umas caixas dela que chegaram na minha casa, e também precisava pegar minha placa-mãe que ela trouxe dos States pra mim (a minha já está dobrando o Cabo da Boa Esperança).

Como meu irmão ia embora da minha casa, seria um baque muito grande a ausência deles e a quietude do ano novo na minha casa, sozinha com Gabi. E antes de virmos para o Rio, em caravana, tiramos uma tradicional foto em família; as únicas pessoas que restaram.

Familia

Não fui à praia, como pensei que faria, mas pelo menos estava no meio de pessoas. Passamos o ano novo na casa de uns amigos do Maike; pessoas bem alegres e divertidas, além de muito acolhedoras. Foi o melhor ano novo dos últimos anos, heheheh. Só não foi melhor porque não tinha um bofe do meu lado para chamar de meu, mas tudo bem, quem sabe no ano novo de 2014 eu já esteja com esse acessório, hehehehe.

E para não passar o ano novo com cotoquettes peladas, eu resolvi usar um esmaltcheenho na cor da esperança: verde!!! Escolhi o SATIN GREEN, da Peripera.

Satin Green - P045 - Peripera3

É um verde-oliva cromado lindíssimo. É tão cromado que o Maike até pensou que era um foil ou um Layla Mirror! Eu que não sou muito fã de verde, amay!

Satin Green - P045 - Peripera

Ele tem uma excelente cobertura. Uma camada só é mais do que suficiente, mas esse esmalte tem uma peculiaridade, se tiver excesso de esmalte nos cantos da cutícula e você passar o palito, ele cria uma imperfeição no acabamento, pois ele desfaz o cromado. Ele cria um tipo de linha escura no cromado. É meio difícil de explicar; só vendo ao vivo pra saber como é isso. Então, o ideal é que não deixe acumular esmalte nos cantos para não acontecer isso. Como isso aconteceu em várias unhas e eu não estava a fim de ficar tirando o esmalte, eu acabei passando 2 camadas, para consertar a caca na segunda camada.

Satin Green - P045 - Peripera2

O cheiro desse Peripera é diferente dos outros, além do que, achei o perfume muito mais fraquinho.

Finalizei com uma camada de Seche Vite.

Satin Green - P045 - Peripera5 Satin Green - P045 - Peripera6

Esse esmaltinho custa 27,00 realitos na Esmalteria da KK. Corra que ainda tem algumas pouquíssimas unidades. Se você curte verde, não perca essa oportunidade!

E hoje, dia 1º, eu acordei cedo, como sempre (maldito relógio biológico!!!!), apesar de ter ido dormir quase às duas.

Fomos almoçar no Outback, meu restaurande preferido, em Niterói/Rio de Janeiro. Lá tem a famosa Blooming Onion, que é um cebolão imenso que é empanado com um tempero maravilhoso e frito em óleo bem quente. É um delírio, apesar de não termos comido desta vez. Vejam o tamanho da “cebolinha”.

318514_4715196191790_1494037867_n

E olha que ela agora está pequena! Há alguns anos atrás fui visitar a cozinha do Outback e as cebolas eram pelo menos quase o dobro desse tamanho! Era inacreditável! Obviamente, não são do Brazeeel!

Íamos embora hoje, mas eu precisava tirar umas fotos que Kakous me pediu, e eu estava com preguicinha também! Iremos embora amanhã de manhã, pois Mary precisa trabalhar, e eu também. =/

Bem, meninas, é isso aí. Vou continuar morcegando aqui no ar da sala de Kakous, porque o calor está tão insuportável que não aguentamos ficar lá na Esmalteria.

Mas antes de encerrar, deixo aqui com vocês um videozinho do Harry, para matar a saudade de vocês! Som na caixa, porque sem som, o vídeo não tem graça!

http://youtu.be/sQOsfvZaamw

Bjokas em todas!

Adri =DDD

Modern Purple – Peripera

Renascendo das cinzas. É como me sinto…

Depois de uma tempestade interior medonha, onde um maremoto se formou e as ondas de humores alternados iam e vinham, eu acho que estou conseguindo me recuperar. Nunca orei tanto na minha vida! Deus já deve estar de saco cheio de mim. Está lá Ele quieto, trabalhando, concentrado como extrato de tomate, e de repente Ele diz: “Putsgrila, lá vem essa chata pedir a mesma coisa de novo!!! Aff!!!!”. É assim que imagino que Deus está em relação a mim, hehehe.

Nem preciso dizer que minhas cotoquettes estavam em petição de miséria. Um nojo só. Cutículas assombrosas, totalmente largadas e abandonadas.

Depois de ter perdido peso, finalmente entrei nuns vestidos indianos justinhos, que eu sempre amei, mas ficava entalada toda vez que tentava vestir. Mesmo sendo tamanho P, de PAQUIDERME, eu não entrava neles. Sorte que não passei adiante, senão não estaria entrando hoje. E hoje estou usando um, e está até meio frouxinho. Pelo menos pra isso serviu a devastação emocional por que passei. Estou no rastro de um tufão, olhando pra trás e vendo muita coisa destruída.

E finalmente estou num pique bom na academia. Comecei quinta-feira passada. Tem muita gente bonita por lá (para os padrões Macaenses), e os instrutores são muito atenciosos e simpáticos. Olhar para aqueles tórax malhados e sarados me faz suspirar e sonhar, não há dúvidas.

A academia fica de frente para o mar, e antes de começar os exercícios tenho que fazer esteira. Há 10 esteiras de frente para um paredão de vidro que tem vista para o mar. Ou seja, a gente se exercita vendo o mar e as pessoas passando na rua. É muito legal. O ar condicionado proporciona um clima bom, pois apesar da gente suar, não ficamos incomodados com calor. Equipamentos super modernos e variados estão à disposição. Isso é muito diferente de tudo que eu já tinha conhecido antes em termos de academia. Eu, que sempre odiei academia, estou achando super legal. Vamos ver até quando vai esse pique!

E para mudar um pouco de ares, vou passar a ir mais para o Rio de Janeiro. Tem um casal amigo meu que me chamou para ir para lá. Vou neste fim de semana, e se eu gostar vou passar a ir mais vezes, abusando da hospitalidade deles, até a hora que disserem que não aguentam mais olhar pra minha cara, hehehe.

Tenho verdadeiro pânico de dirigir no Rio, mas não há o que fazer. Se quero mudar de vida e de ares, e fazer novas amizades, eu preciso vencer o medo e o pânico e começar a ir pra lá na marra. Penso até com carinho na possibilidade de me mudar, para a Barra/Recreio, talvez, ou Niteroi, quem sabe. Tudo vai depender de como eu começar a ficar nessas idas e vindas, e de como me sentirei estando por lá. Nada mais me prende a Macaé. Espero que Deus esteja trabalhando, e que esteja junto comigo a cada passo que eu der nessa nova jornada.

Durante o tempo da tempestade, eu tive uma pessoa que esteve “juntinho” de mim o tempo todo. Essa pessoa entrou na minha vida em um momento bem oportuno. Ela é super atenciosa, carinhosa e se preocupou comigo a cada instante em que eu me sentia um nada. Quase todos os dias me mandava um email perguntando como eu estava, e suas palavras de conforto me ajudaram tanto que quase as decorei, de tanto que li. Me senti um pintinho protegido pela galinha (com todo respeito). Izaura, minha amiga, te devo muito agradecimento por ter estado comigo o tempo todo, mesmo que por email. Você se tornou uma pessoa super importante na minha vida, e faço questão de ir a BH conhecer você pessoalmente, te abraçar bem apertado e te beijar. Espero que você possa me dizer quando posso ir, pois quero fazer isso o mais rapidamente possível. Pena que acho que este ano não dará, pois meu irmão ficará aqui praticamente o mês todo de dezembro, mas a partir de janeiro, me diga quando, que estarei aí pra te dar um abraço pessoalmente.

E durante a fase negra por que passei, tive a sorte de não ter praticamente trabalho para fazer. Tudo tinha parado, e eu achei de certa forma bom, porque não estava com cabeça nenhuma para raciocinar. Fiquei muitos dias deitada, e muitas vezes só chorando, sem comer. Foi um horror. Agora não choro mais. Há dias que não faço isso. Ainda sinto tristeza, é claro, mas vai passar. Foi como quando meu pai morreu. A dor imensa passa, mas a tristeza não necessariamente. Mas o que é meu a mim virá, e esperarei pacientemente.

O trabalho voltou, e voltou de uma forma fantástica, que me fará recuperar todo o tempo perdido enquanto não tinha trabalho pra fazer. Como quando eu não trabalho não ganho dinheiro, eu estava meio angustiada porque não iria ganhar o suficiente para pagar as contas. Mas Deus é tão tremendo, que Ele me mandou um cliente que me pediu vários trabalhos que eu já tenho prontos, então, é só vender o trabalho pronto e voilá! Ganharei dinheiro sem trabalhar! Agora me digam, DEUS É OU NÃO É TREMENDO?????????? Tenho mesmo que me ajoelhar e agradecer por tudo, pois Ele sabe exatamente o que está fazendo comigo. Como diz a bíblia, fazendo uma alusão a um vaso de barro, Deus me quebrou, me moeu e vai fazer uma massa nova com o barro moído, para construir um vaso novo de mim. Ficarei novinha em folha, pronta para uma nova vida que recomeça.

Não sabemos entender o que Deus quer pra nós, mas o importante é não perder a fé nEle, mesmo que pareça que o mundo está acabando para nós e que não nos salvaremos.

E para tentar retomar minha vida, aproveitando que estou num momento (hoje) de relativo bom humor, com uma aceitação bem melhor dos fatos, resolvi usar esse esmalte uvinha, o MODERN PURPLE, da Peripera.

As cotoquettes estão miúdas, mas acho que dá pra fazer um post decente…

Essa marca todas já conhecem. O pincel é ótimo e a cobertura fantástica. Seca relativamente rápido e o perfume do esmalte fica um bom tempo.

É uma cor super, super linda! A cor está bem fiel nas fotos.

Nesta mani eu passei duas camadas, mas uma generosa é mais do que suficiente. Finalizei com uma camada de Brilho Cristal.

E lembrando do post da Day, esta manhã, eu não sei o que fazer no Ano Novo. Ano passado eu passei roncando. Sim, dormi, porque não tinha para onde ir, e nem vontade de comemorar nada. Este ano não sei também o que fazer. Meu irmão irá embora dia 29 de dezembro, e ficaremos talvez somente eu, Gabi, minha mãe, as crianças, os meninos e a ave.

Por falar em meninos, Jack e Harry estão com conjuntivite. Não me perguntem como pegaram. Não faço a mínima ideia. Troy machucou a pata não sei onde. Hoje levei a galera no vet para uma consulta coletiva. Pelo visto está todo mundo precisando baixar no hospital aqui em casa.

E Gabi resolveu comprar daquelas lanterninas que tem uma luz vermelhinha de laser. Essa foi uma das terapias que usei para me distrair. Brincar com os gatos e esse pontinho vermelho ambulante me fez rir em muitos momentos, e pude me aproximar mais dos gatos, de quem fiquei afastada por muito tempo durante a “tempestade”. Os gatos simplesmente ficam elétricos com o pontinho vermelho de luz. Quem tem gato e nunca experimentou, experimente, e depois me contem!

Segue um vídeo de um dos momentos em que brincamos com eles. Foi a primeira vez que brincamos, por sinal. Infelizmente a qualidade do vídeo não está das melhores, e ver o pontinho vermelho é praticamente impossível. Mas dá para vocês terem uma ideia de onde ele está, já que o Jack está correndo atrás dele o tempo todo.

Bem, vou ficando por aqui.

Grande beijo em todas vocês.

Adri

Neutral Pink – Peripera

Boa noite, meninas.

Depois de algum tempo afastada, eis-me novamente para (provavelmente) o meu último post… da semana, heheheh. É que amanhã de manhã irei para o mesmo hotel fazenda (Le Canton) que fui ano passado, com o ex. Desta vez, vou como mãe da Gabi, e não mulher do ex, heheheh. Já que Gabi agora também é “funcionária” da mesma empresa do ex, ela tem direito de participar do seminário para os funcionários lá no hotel. Não iria deixar de achar meus quilinhos por lá, com tanta comida gostosa, né? uhahuauhahuau.

E para encerrar a semana com honras, trago aqui um esmaltinho que arrancou-me suspiros lá na KK, o NEUTRAL PINK, da Peripera.

Ele é um nude puxadinho pro lilás tão lindo que me deu dó de carimbar. Aqui está ele com UMA camada (a cobertura é bótima!), e uma camada de Brilho Cristal, porque o brilho não ficou lá dos melhores, com uma camada só de esmalte.

Eu não preciso dizer mais do amor que sinto por essa linha Rose da Peripera, né? É tudo de bom esse esmalte; pincel, cobertura, cheirinho, secagem, e por aí vai.

Minhas compridettes, que estão aqui firmes e fortes (amém!!!), ficaram tão lindas que eu mal pude crer que as unhas eram minhas, uhahuahuahuuhauha. Espero que meu olho grande não quebre minhas unhas, hahahahah.

E na onda da carimbada sobre fosco, vejam que perfeição ficou essa cor fosquinha! Usei uma camada do ESSENCE NAIL ART SPECIAL EFFECT TOPPER, que adquiri na KK ainda no tempo de Brechó.

Depois cometi o pecado de carimbar, usando o esmalte HEAVY METALLILAC da Catrice, um roxo metálico lindão, que serve lindamente para carimbar. Carimbei usando o desenho D6 da DRK-C. O que acharam?

E na BF de hoje, gostaria de agradecer a minha linda e querida amiga Malu por ter carinhosamente se lembrado de mim e me enviado este kit super gracinha de esmaltes que ela trouxe de Israel, onde passou dois meses fazendo testes para uma pesquisa médica para a qual ela se voluntariou.

Fiquei super lisonjeada por ela ter se lembrado de mim. Ela até se assustou com tantas mudanças, heheheh. Quando ela foi pra lá eu não gostava de acabamento fosco, a Nina ainda estava no blog e eu só tinha dois gatos, huahuauhahuahu. Tive que explicar tudo, né?

Querida Malu, fico muito feliz que tenha voltado, e que seu trabalho tenha sido bem sucedido. Grande beijo, querida! Amei os esmaltinhos, e o branco, sim… é escandaloso de lindo!

E para encerrar a semana, deixo vocês com notícias dos meninos. Troy já está mais bem aceito no “bando”. Os três já ensaiam brincadeiras juntos, e já até comem suas refeições na paz…

Deixei a ave com minha secretária e os meninos ficarão aqui sozinhos até domingo, quando voltaremos. Espero que a casa continue inteira quando voltarmos, e que eles já estejam amigos, hehehhe.

Bjus

Adri =DDD

Hawaiian Blue – BL606 – Peripera

Olá meninas!

Hoje acordei às 6:30, levantei e toquei Gabi da cama para a gente ir caminhar. Uma preguiiiiiiiiiiiiiiiiiça de dar dó. Gabi levantou sob protesto, e resmungava mais do que o Zangado, da Branca de Neve, ehehhehe.

Na nossa caminhada, achamos Lolla, no mesmo lugar em que a encontramos da outra vez. Estava preta de lama. Ela deveria ser uma porca, e não uma capivara. Só que desta vez não fotamos. Caminhamos como de costume, encontramos Ricky, e quando voltamos, me bateu um soooono louco, e eu subi, tomei um banho e deitei um pouquinho para ver se o sono passava, heheheheh. Dormi duas horas! Acordei com o meu telefone tocando. Ainda bem, senão eu acho que passaria do meio-dia, dormindo.

Levantei e desci. Gabi disse que já ia subir para ver o que tinha acontecido comigo, heheheheh. Não costumo dormir até tarde, mas tava friozinho, debaixo dos meus 3 cobertores (sim, durmo com 3). Acabei perdendo a hora. Ainda bem que caminhei primeiro! =)

Depois que levantei, Mary reivindicou uma mani. Pintei as unhas dela com esse divo da Peripera, o Hawaiian Blue (BL606).

Ele lembra muito o Galahad, da AEngland, que eu não usei ainda. É um teal claro e lindo. Ficou super lindo nas unhas compridinhas da Mary.

Olhem que DYVO ficou! Sem falar no perfuminho! Duas camadas foram suficientes. Finalizei com uma camada de Seche Vite, porque ela queria carimbar.

Eu cakay com essa cor. Linda de verdade! Gabi até ia carimbar, mas desistiu, porque sabia que a carimbada ia tirar toda a belezura do esmalte. Acho que ela fez muito bem!

E mudando de assunto, Harry saiu de casa ontem para o jardim e se enfiou em algum buraco, que voltou todo cinza. O focinho estava preto. Gabi ligou para o pet shop daqui do condomínio e disseram que não poderiam dar banho nele ontem, e falaram que o preço seria 25 reais. Quase enfartei com o preço. Ô troço caro! Resolvi então, sob protesto da Gabi, que iríamos nós mesmas dar o banho no bichano. Enfiei o dito-cujo na pia do banheiro da Gabi, que tem água quente, e fizemos uma sopinha de gato. Juro que pensei que fosse ser pior. Achei que o bichano iria se esgoelar como quem estivesse a morrer, mas só deu alguns poucos miaus e se contentou com as esfregadelas com xampu “sabor” tutti-frutti (o mesmo que usamos para banhar os porquinhos – é xampu de filhotes de cachorro).

Vejam como ficou feio o tadinho molhado.

Depois do banho, o secamos com duas toalhas e usamos o secador, sob protesto da Gabi de novo, que achava que não se podia usar secador de cabelos em gatos. Não sei de onde ela tirou isso, mas secamos o bichano assim mesmo.

Depois de secar o chat, eu o trouxe para meu escritório e o coloquei na poltrona sob o sol. Vejam como ele ficou.

Depois disso, ele resolveu tirar uma pestana em cima da minha mesa. Vejam onde ele enfiou a cara para dormir… =/

É isso aí, meninas. Boa tarde para todas. Aliás, a tarde está linda, do jeito que eu gosto. Ensolarada e friozionho! AMOOOOO!

Bjus

Adri =DDD

Crystal Beige – P012 – Peripera

Olá garotas!

Ontem fui dormir às 19 horas, pois estava só o pó. Acordei à meia-noite já cansada de estar deitada, e doida para tomar algo quentinho e docinho. Peguei o gato e desci para fazer um cappuccino.

Estou bem melhorzinha. Acho que estou no estágio final da gripe ou resfriado. Quero agradecer a vocês, fofas, pelo carinho e preocupação comigo. Mas como eu não tive febre nem ronqueira no peito, só a dor no corpo, não vi necessidade de procurar um médico, até porque a coisa tá difícil por aqui em termos de trabalho. Tenho tanta coisa pra fazer que até desanimo…

Bem, para acompanhar minhas sabuguettes da mão esquerda, que estão com aquele Peripera fofo, Crystal White, coloquei outro Peripera nas sabuguettes da mão direita, sendo que este hoje é de uma cor areia: CRYSTAL BEIGE.

Esse esmalte tem o mesmo tipo de brilho do Crystal White, e o acabamento fica igual também; semibrilho.

Passei top coat para ficar mais brilhante. A vantagem do top coat, é que realça bastante os brilhos que o esmalte tem.

É uma pena que minhas unhas estão sabuguettes. Ao mesmo tempo que acho ruim e feio, eu gosto de ficar com elas curtinhas porque não me atrapalham na digitação. Às vezes dá nervosinho de tê-las grandes.

Achei super fofa a cor, embora não constraste muito com meu branco-lagartixa. Fica meio pálido, mas eu adoro cores clarinhas. Tendo um brilhozinho então, fica show!

Assim como fiz com o Crystal White, coloco aqui um vídeo para vocês observarem o brilho que o esmalte tem. Como ele é mais escuro que o Crystal White, dá pra ver melhor.

E na BF de hoje, antes de meu corpo se rebelar contra minha decisão de caminhar todos os dias e ficar de fricote, eu estava caminhando com Gabi. Nas nossas caminhadas, arrumamos alguns amiguinhos, vejam:

Gente, isso não é fooooofo???? Eles são tããããão lindos e amigáveis! Eles nos veem e vêm correndo abanando os rabos e fazendo festinha para nós. A menina é a da direita, e o menino o da esquerda. O único problema deles é que até hoje não consegui pegar os dois cheirosos. Têm aquela murrinha característica de cachorro, e nisso os gatos ganham disparada. Harry é até cheiroso, porque a gente passa creme nas mãos e pega ele, e ele fica cheiroso, hehehehe.

Outra personagem que encontramos foi “Cindy”, essa gata que parece ser uma mistura de raças, cuja pinta na cara me faz lembrar a ex-modelo Cindy Crawford.

Ela outro dia estava assediando discaradamente o gato da vizinha dela. Ela miava uns miaus compassados e curtos, e andava em câmera lenta em direção ao bobalhão do gato, que estava chapado em cima do muro, meio nervoso, em uma posição de submissão. Isso só vem provar que as mulheres é que mandam mesmo, uhahuahuahuauha.

Outra coisa com que nos deparamos nesta época do ano são as preás selvagens.

Parecem muito com nosso Zip. Há dezenas deles pela beira da lagoa. E temos visto muitos e muitos filhotes. O grande problema é que as pessoas caçam essas preás. Não sei até que ponto isso é bom, já que eles se procriam na velocidade da luz. Nunca mais vi jiboias, que são predadores naturais dessas preás. As jiboias que têm (ou tinham) por aqui eram bem parrudas. De vez em quando víamos uns filhotes de cobra atropelados pelas ruas. Isso nunca mais aconteceu – nunca mais vi cobra nenhuma aqui na beira da lagoa.

E hoje vou fazer algo que não faço há muito tempo, ir ao “shopping” da minha cidade (se é que se pode chamar aquilo de shopping, depois de ter ido ao Iguatemi em POA), onde assistiremos A Era do Gelo 4. Adoro os filmes da série, e o Scrat (o esquilo) é meu personagem preferido, hehehehe. Sempre lembro de como ele olhas para as avelãs; é como eu olho para os esmaltes, huauhahuauhauh.

Acho que de hoje em diante estarei mais bem disposta. Pelo menos neste momento estou me sentindo bem melhor do que ontem à noite. Espero que não tenha recaídas.

Vou nessa, meninas. Beijocas a todas, e bom findi!

Adri =)))

Crystal White – P011 – Peripera

Estou me sentindo como se voltasse a andar, depois de ter ficado paraplégica. Comparação exagerada? Acho que não. Ficar sem câmera fotográfica para mim é como ficar sem celular… quer dizer… isso sim é exagero; mas é quase isso!

Minha câmera nova chegou! Não era a que eu queria, mas atendeu muito bem às expectativas. Apesar de ser uma Canon, e não uma Nikon, como eu queria, mas será muito bem utilizada até eu ver uma Nikon com meus próprios olhos. Para quem não sabe, eu só quero uma Nikon porque acho que tem uma fidelidade maior nas cores fotografadas. Aparentemente, um roxo fica roxo, e não azul, como na Canon.

Eis minha câmera nova! =DDD

E para estrear um post com minha nova câmera (adeus iPhone!), fotografei sabuguettes usando o esmalte super fofo e brilhante da Peripera, o CRYSTAL WHITE (P011), que obviamente não preciso dizer que capturei no Brechó da KK quando estive arrumando os esmaltinhos para o encontrinho de Porto Alegre.

Apesar de o nome ter nome de “cristal branco”, ele na verdade tem uma cor marfim. É suuuuuper lindo esse esmalte. Só lamento muitíssimo estar sendo usado nas sabuguettes e não em unhas de tamanho decente.

Consegui a duras penas dar um jeito nas unhas. A que ficou ruim de verdade, por causa das carimbadas de anteontem, foi a unha do polegar esquerdo. Recebeu tantas carimbadas que nessa não deu pra fazer milagre. Até debaixo da unha ficou preto. Um horror!

Esse esmalte tem uns brilhos bem assanhados no sol. Eu achei super chique e delicado ao mesmo tempo.

Para mostrar rapidamente o brilho dele, mostro aqui um vídeo the flash:

A única coisa que esse esmalte carece é um brilhozinho. Ele tem uma textura meio fosca com semibrilho. Acredito que seja por causa do microbrilho que ele tem.

Nessa mani eu usei uma camada de Brilho Cristal, da Big Universo. Agora que tenho 4 vidros dele, vou poder gastar a balde. Apesar de que eu garanti meu vidrão de Seche Vite, de 118 ml no Brechó da KK. Tenho top coat agora por uns 5 anos, hihuahuahuahuahuahuhau.

Não esquecendo de mencionar o cheirinho gostosinho que o esmalte tem. Logo no início, eu não gostava, mas de tanto usar, já me acostumei.

Hoje fiquei animada, pois KK disse que gostaria de ir ao festival gastronômico em Búzios, que acontecerá nas duas primeiras semanas de julho. Fiquei bem animada com o convite, e será uma ótima oportunidade para ela conhecer pessoalmente a Pousadinha em Búzios. E comer bem, nunca é demais, né? Tudo bem que isso envolve a famosa gastação. Mas, como eu já disse algumas vezes, “o que é um peido…”. huahuahuauhhuauha

E será também uma ótima oportunidade de recuperar meus anéis que deixei lá. Liguei pra Roberta pra ver se conseguiremos os quartos, e ela me contou que esqueci os anéis, hehehe. Ela é uma fofa! KK, nossos quartos estão garantidos! Só falta agora confirmar com a pousada!

Então é isso, meninas; vou-me!

Bjs

Adri =)))

Pink Gold – PK009 – Peripera

Umazinha antes de ir embora, hehehehe

Este é o esmaltinho que escolhi para ir com Gabs e Eva para Búzios. A Eva se assusta um pouco com cores fortes e chamativas, hehehehe. Não quis chocá-la.

Esse é o PINK GOLD da Peripera. Um esmaltinho bem “inocente” e lindinho. Adoro rosinhas “inocentes”. Os brilhinhos douradinhos se encarregam de deixar o charme na mani.

Ele é muito parecido com o Lua de Mel da Eliana, sendo que este eu até chamo de “cobertura”, já que é bem aguadinho. Mas o acabamento é basicamente o mesmo do Peripera: rosa com brilhinhos dourados.

A vantagem do Peripera é que opaca com duas camadas, o pincel é uma delícia de usar (pelo comprimento e formato), e ele deixa um perfuminho gostoso nas unhas.

Essa marca de esmalte, como todas sabem, é encontrada no Brechó da KK, por 20,00. Vale conferir as cores, que são bem interessantes.

E na BF, não estou com o espírito preparado para esse passeio. Eu estou muito acostumada a ficar em casa, e estou parecendo um caramujo, que não sai da casca. Tomara que quando chegar lá eu me anime. Pelo menos o tempo está ajudando; está um lindo dia de sol, onde nem as nuvens deram as caras. É claro que não arriscarei ir à praia. Primeiro porque abomino sol, e segundo porque eu estou super em forma para mostrar meu corpatcho na praia (forma de barril). Não quero assustar o povo de Búzios. A minha sorte é que a Eva é 4 vezes maior do que eu, haahuhuahuauhahua, e ela igualmente não gosta de praia. Ufa! Será um time de gordinhas, já que nem Mary fica atrás. Talvez daremos uma esticadinha a Cabo Frio, que é do ladinho. Vamos ver como estará o trânsito por aquelas bandas, que geralmente nos findis fica abarrotado.

E a louca da Gabi está querendo estrear em Búzios o scarpin novo dela (que comprou na Arezzo esses dias, lembram?). A chamei de maluca, porque enfiar aquele saltão na Rua das Pedras é dizer adeus ao salto. Eu já quase tomei cada estabaco lá me aventurando a usar saltos, até mesmo anabela, na Rua das Pedras, imagine salto fino! Eu falei que se estragar o sapato não compro outro, até porque esse sapato é caro, e meu dinheiro não é capim!

O problema da Gabi é que ela não teve uma infância como a minha, onde meus pais não tinham dinheiro, e meus brinquedos eram à base de latinhas, barbantes e caixas de fósforo. Tive DOIS bonecos na minha vida, uma que não lembro o nome, que parecia um bebê de verdade, e o Feijãozinho, lembram?

Considero que isso seja culpa minha, pois, como minha infância foi desprovida de coisas phynas, eu quis dar a ela tudo o que eu não tive, já que eu, graças a Deus, hoje posso dar, ainda. Então eu fico chateada quando ela estraga alguma coisa. Sei que é fácil comprar de novo outro item igual, mas eu acho um desaforo não tomar cuidado com o que se tem e tratar as coisas como objetos descartáveis. Nem sempre ela é assim, mas é muito desastrada, e costuma estragar as coisas facilmente.

Ontem comprei a versão nacional do Heel Repair da Dr. Scholl’s. Achei bem aguadinho, em comparação com a versão americana, que é bem espessa. Eu abri o tubo nacional e apertei com a mesma força que aperto o americano. Tomei um banho de “creme”; espirrou para todo lado. Foi uma decepção total no quesito consistência. Se o tubo abre acidentalmente numa bolsa ou frasqueira, vai lambrecar tudo. No quesito funcionalidade, até parece que funciona, pois usei ontem e meu pé hoje não está esbranquiçado, ressecado, como costuma ficar quando não passo nada.

E, para encerrar o post de hoje, deixo aqui uma pergunta para vocês:

Os bigodes de baby do Harry caíram e começaram a nascer bigodes grossos. Estava até engraçado, parecendo que eu tinha passado a tesoura nos bigodes, porque estavam uns cotocos. Mas algo estranho aconteceu. Todos os bigodes novos do lado direito dele caíram, e o Harry está “desbigodado” só de um lado. Até pensei que tivesse sido o tarado da ave que tivesse cortado, porque ele adora cortar uns fios de cabelo com o bico, mas não creio que o Harry permitiria isso. Alguma sugestão?

Beijocas e bom findi para todas.

Adri =)))

Mango Candy – OR406 – Peripera

Boa noite, meninas.

O que acharam da cena? Eu levei Harry na caminha para baixo e deixei perto da casa da ave e fui para a cozinha fazer um lanchinho. Quando me virei, me deparei com essa cena: a ave empoleirada na cama de Harry e os dois na mais perfeita sintonia. Pareciam pão e manteiga, arroz e feijão, tico e teco. Nasceram um para o outro! Viram ele dando uma patadinha na ave, como quem diz, “Ei! Cadê meu cafuné?” uhauhahuahuahuahuhau

E hoje eu estava inspirada para um amarelo manga, como diz a Nina. Peguei o Mango Candy da Peripera, que é um amarelo manga (como o próprio nome diz) ou um laranjinha super claro e passei nas ex-cotoquettes, que agora estão bombando, graças ao Vita Surge Strength Gel.

Quem nos acompanha sabe perfeitamente que eu tinha terrorzinho de amarelo nas unhas. Nada como o tempo para mudar as coisas. Hoje me rendi à cor desse esmaltinho gema de ovo.

Com certeza vai ter gente torcendo o narizinho, mas eu achei suuuuuuuuuuuper lindo! Entrou para minha lista dos favoritos de 2012 também!

Cotoquettes não estão lindas? Estou toda nojentinha de tão boba! Santo Vita Surge!

Como a maioria aqui já sabe, esse esmalte é perfumado e ele é tudo de bom. O pincel é ma-ra-vi-lho-so, tem uma excelente cobertura. Comprei o dito-cujo no Brechó da KK.

Passei o Brilho Cristal por cima para deixar uma superfície lisinha e vitrificada. E depois fiquei matutando que carimbão lindo da DRK-B eu poderia colocar em cima desse amarelão-canário-bronzeado.

Optei pelo A6, o famoso foguinho. Carimbei com o esmalte preto para carimbo da Blant e passei o Zoya Tanzy, que é um glass-flecked que brilha horrores, usando um pincel fino.

Já aqui eu dei uma misturada do preto com dourado Cromo da Impala para carimbar, mas o efeito não ficou lindo como eu esperava. Teria sido melhor só preto. Mas agora já era, hehehehe

Tem aquelas que vão achar isso o cúmulo da breguice ou horrível de doer. Eu chamo isso de nail art, hehehe Ficou bem interessante o resultado, e eu gostei, no final das contas. Até Mary, que é chata pra caramba, gostou!

E a novela continua. Meu computador pifou de novo. Eu já não sei o que fazer com aquela *&#¨%&¨%%@$$#*&@. Estou vendo que vou ter que comprar é um novo, e lá se vai minha viagem para a Disney, novamente. Já estou começando a achar que não posso mais viajar, senão o avião vai cair, uhahuahuauhauhahu.

Bem, meninas, é isso aí. O fim do mês está chegando, e eu preciso fazer mais uma graninha. Fui!

Bjus

Adri =)))